Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Do tempo e da falta dele

Segunda-feira, 31.03.14

O tempo que a ausência do próprio me rouba daria para viajar pelo mundo, para escrever mil aventuras bíblicas (de volume, não de religiosidade), seria o suficiente para devorar centenas de vidas, amar infinitas mulheres porque o amor não deve ter fim à vista (só por isso, nada da pensar em poligamias ou afins). O tempo que o tempo me rouba daria para parar o tempo do centro do turbilhão, contemplar, recuar para ganhar balanço, e saborear a vida que seguidamente iria devorar. A falta que me faz o tempo que me falta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 15:25

Porquê, Zinedine, porquê?

Segunda-feira, 31.03.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 07:59

Sporting 1 - V. Guimarães 0

Sábado, 29.03.14

 

No baptismo leonino do meu pequeno Miguel a assistir a um jogo do maior do Mundo no mais belo estádio do Universo, uma vitória merecida mas pouco brilhante do Sporting, até para não ofuscar ninguém. Na retina mais uma exibição omnipresente e gelidamente inteligente de William Carvalho, que me pôs a pensar que já não consigo imaginar o meio campo leonino sem o poder deste jogador único. Este será um dos maiores desafios de Bruno de Carvalho e Leonardo Jardim - conseguir substituir William sem perda de qualidade – isto partindo do pressuposto, dificilmente contornável, de que a sua saída é apenas uma questão de tempo. Hoje era também o dia para Montero matar o jejum goleador que o tem envergonhado, mas mais um patético momento de anti-leonina arbitragem devolveu o colombiano à sua triste condição. Pelo meio campo, Carlos Mané vai desenrolando um prometedor novelo de qualidade e crescente maturidade, estando na forja nova estrela do firmamento leonino. Fica a vitória, fica o sorriso constante do pequeno Miguel, a sua alegria contagiante enquanto entoava os famosos cânticos das claques leoninas. Obrigado rapazes, foi um belo baptismo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 23:31

O Gummy gangnam style e a falta de sono

Sexta-feira, 28.03.14

As crianças não querem dormir porque querem devorar todo o mundo de olhos bem abertos, sem perder pitada, porque desconhecem se este privilégio de descobrir um dia não terá fim. Eu tenho escrito pouco porque ando extasiado a vê-los descobrir, depois desesperado a tentar que ainda assim eles durmam, porque após ter sucesso nessa terrível empresa corro à descoberta da almofada. Nada é perfeito. Nem a calmaria excessiva nem esta loucura que vai do fim de tarde até à hora em que os petizes desmaiam, por fim, vencidos pela magnitude do que descobriram. Bom, talvez o pequeno Francisco, esse furacão à beira de fazer 2 anos roce a perfeição quando arrasa a pista de dança cá de casa com o Gummy gangnam style.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:54

Já estava na altura de o Bolas e Letras guardar um cantinho para cães e crianças fofinhas

Quinta-feira, 27.03.14

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:22

O regresso do visconde, as dúvidas de Jesus e o ego de CR7 and friends

Quarta-feira, 26.03.14

 

Regressado a Lisboa, celebro as crianças, os berros de alegria que me parecem música para os ouvidos depois de tantos dias sem eles, e sento-me para assistir ao Porto-Benfica. Antes do apito inicial recordo com um sorriso de gozo a conversa da manhã nos corredores da eurocracia. Um cozinheiro português, no meio dos fatos cinzentos que cumpriam o ritual do café, ao escutar o saudoso português entabulado por mim e dois colegas, pergunta-nos: “Então, nervosos como a jogatana de hoje”? Respondo-lhe que eu não ligo a jogos de clubes de bairro mas que os meus dois colegas benfiquistas estão com a ansiedade natural dos pequenos clubes. O sorriso abre-se-lhe numa alegria não contida, abraça-me e tira de dentro do peito aquela angústia leonina: “É isso amigo, somos nós o clube com Portugal no nome, o clube dos viscondes”. Ri, mais um abraço, e desaparece com o título de homem mais feliz do mundo.

 

Entretanto, nas Antas descobre-se que a lesão de Helton e a promoção do homem do leme da equipa B devolveram o Porto ao que é ser Porto, que Jesus tem um problema grave na gestão das várias frentes (a titularidade do paralítico Cardoso, a saída precoce do excelente Rodrigo). Por terras sevilhanas o Real Madrid hipoteca as esperanças em vencer o campeonato e volta a recordar que essa história de aglomerar vedetas na equipa mais tarde ou mais cedo resultará num pouco saudável choque de egos. Os benfiquistas temem que Jesus volte a repetir os mesmos erros do ano passado, os madridistas temem que o seu Real volte a repetir os erros da última década. Errar é humano e há quem insista nesse eterno processo de humanização.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 23:10

Conquistas madeirenses, o querido William e uma pequena pausa

Domingo, 23.03.14

 

Afazeres próprios de fim de semana de famílias com crianças impediram-me de assistir à vitória leonina em terras madeirenses. No entanto, pelo que ouvi e pelos resumos que vi mantenho a minha paixão por William Carvalho e preparo já o,luto por faltarem meia dúzia de jogos deste génio a jogar no meio campo leonino. Isto só não acontecerá se os grandes clubes europeus andarem a brincar à avestruz e não virem o ouro a reluzir para os lados de Alvalade.

 

Entretanto, venho aqui anunciar uma pequena pausa no blog. Além do tempo ser pouco, uma viagem em trabalho a terras luxemburguesas levam-me a fazer uma pausa de alguns dias na rotina, que ainda se mantém um prazer, felizmente, no alimentar do blog. Digo isto sem saber se me dará o bichinho de ainda assim arranjar um tempinho para postar alguma coisinha. Nunca se sabe, esta incerteza também faz bem à vida e à alma. Fiquem bem, beijos e abraços.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 19:08

Vinde a nós, D. Sebastião!

Sexta-feira, 21.03.14

 

Sem o sabermos, sem o desejarmos, e afastando mesmo esse destino dos nossos mais recônditos sonhos, aguardamos, nas raízes das entranhas das profundezas das pulsões que nos ligam à vida, pelo D. Sebastião que nos venha salvar, que nos desvie daquelas horas de desencontro que nos habitam os dias e atormentam o sono. Na ténue fronteira que nos separa do precipício de uma vida sem sentido vislumbramos, inconscientemente, uma sombra quase invisível que percorre a desmesurada distância que nos aparta da paz, de suaves momentos de felicidade, de uma existência sem tormentos que não sabemos explicar. Não sabemos explicar porque não sabemos ser simplesmente felizes, medianamente felizes, alheios à dor que insistimos em injectar dentro de nós. Ansiamos pelo D. Sebastião que toda a vida tememos, como quem teme a felicidade desconhecida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:30

Paulo, deixa o minino jogar!

Quinta-feira, 20.03.14

 

Partilho com um amigo por sms o golo de Quaresma ao Nápoles e a minha esperança de que aqueles segundos de bailado, aquele momento artístico só ao alcance dos predestinados, representem o carimbar do passaporte de Quaresma por Paulo Bento. Do outro lado respondem-me que o remate foi um bocado chouriço e que os defesas napolitanos limitaram-se a olhar, enfeitiçados pela dança do cigano. Irrito-me e afirmo que essa visão é má vontade, o bailado e o remate foram pura arte, porra! Que não, diz ele, e ouviu até dizer que o rapaz nada mais fez durante o jogo, que não é por marcar uns golos jeitosos que estará no Brasil, que tem que fazer mais e merecer muito. Enervo-me com este argumentário e riposto que os golos fantásticos que Quaresma marcou desde o regresso às Antas, o facto de ter carregado a equipa ao colo em tantos jogos, tudo isto depois de meses parado, dizem muito sobre a vontade do miúdo Ricardo e da qualidade que ainda tem e nos faz o favor de colocar em campo. Para mim, depois de CR 7 não temos extremo melhor, o resto são tecnicismos e embirrações. And I rest my case!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:23

O urso polar com coração de gelo

Quarta-feira, 19.03.14

 

Há umas semanas vociferava uma colega minha, daquelas revoltosas funcionárias públicas que abomina tudo o que põe em causa os seus direitos invioláveis de cidadã intocável, dizia eu que ela berrava para quem queria ouvir que o nosso povo é uma vergonha, era ver a coragem das gentes lá na Ucrânia, a combater os políticos corruptos aos quais aqui o povo se verga, a lutar sem medo pelos seus direitos e a derrubar os ditadores que os espremem e levam à miséria. Não resisti e confrontei-a. Perguntei-lhe se achava que aquele tipo de acção, em que se destruía o património de um país e se berrava mais do que se argumentava ia levar os ucranianos a um destino melhor do que agora viviam. Ela garantiu-me que sim, que a luta é a única forma, se necessário armada. Hoje passo por ela e por vergonha alheia não lhe pergunto se mantém as suas convicções, se acha que um povo desmembrar-se internamente não foi a causa para a sentença de morte de uma nação, se abrir tantas feridas numa comunidade não foi o abrir de comportas para o inimigos que aguardavam apenas o rachar de uma brecha. Putin não é Hitler, é apenas um político frio e oportunista que sabe que dos fracos não reza a história. Os ucranianos, por excesso de paixão e escassez, não de razão mas de ponderação no modo como usaram a força dessa paixão, entregaram o ouro ao bandido, um bandido glaciar e calculista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:27


Pág. 1/3





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

pesquisar

Pesquisar no Blog