Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Calma - não dar o corpo pela alma

Segunda-feira, 24.09.18

  

Calma, não dar o corpo pela alma.jpg

 

calma.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:51

Cristiano Ronaldo vs UEFA

Quinta-feira, 20.09.18

 

cr.jpg

 

Os senhores do poder nunca gostaram de histórias bonitas em que os anões se agigantam, em que quem veio do nada consegue, à custa do seu sangue, suor e lágrimas escalar ao topo da montanha, ombreando com os poderes e hábitos instalados, tapando o sol aos que julgavam que o sol eternamente nasceria só para eles. Cristiano Ronaldo, nascido no seio de uma família pobre (não era humilde, era mesmo pobre), contra todas as adversidades, invejas e vaticínios, tudo venceu, tudo derrubou, sempre sem padrinhos, só com a sua imparável força interior, talento e esforço sobre humano que sempre pôs em tudo o que fez pela sua paixão, pelo seu sonho de ser o melhor jogador do mundo.

 

Há umas semanas a UEFA atribuiu o prémio de melhor jogador do mundo a Modric, um belíssimo jogador que fez uma excelente época. Cristiano, que fora a estrela da Liga dos Campeões, que com o fruto do seu trabalho a deu de mão beijada ao Real Madrid, foi preterido face a um belíssimo jogador, mas que em nada se pode comparar a ele, sobretudo num ano magnífico para o jogador português. Cristiano, ferido mas amigo, deu os parabéns a Modric mas não pôs os pés na cerimónia da UEFA, pois recusa ser um fantoche nas mãos dos grandes senhores (sempre recusou) e porque não é hipócrita. A UEFA, velha e vingativa, ontem expulsou-o de campo, sonhando que assim conseguirá terminar com o sonho do nosso menino. A UEFA declarou internamente, em surdina, nos meandros cinzentos dos corredores do seu poder bafiento, que Cristiano é persona non grata. A UEFA só não sabe que quem comeu o pão que o diabo amassou, e ainda assim passou fome, e ainda assim não desistiu até chegar ao topo, quem assim é não verga, não desiste, chora mas não vira a cara. É a tua última batalha, Cristiano, e todos os que amam verdadeiramente o futebol, todos os que sabemos quem és e o que nos deste sabemos que a vais vencer, mais uma vez, com sangue, suor e lágrimas, até ao fim, até à derradeira glória. Força miúdo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:51

Voltar?

Quarta-feira, 19.09.18

 

regresso a casa.jpg

 

Nunca voltar a um sítio onde se foi feliz ou voltar sempre, insistentemente, convicto de que a receita original poderá eternamente ser repetida? A vida muda-nos mas o que nos mudou poderá ser fonte de renovada evolução? E será que mudar estará sempre mais próximo do que nos torna um pouco mais felizes? E mudar é evoluir? Não haverá um ponto em que irmos para lá do que somos e de onde estamos, essa insatisfação constante, essa interminável busca de melhor mais não é do que sinónimo de inadaptação, de incapacidade para disfrutarmos do que temos e do que somos? Porque perdemos nós tempo a pensar em todos estes irresolúveis dilemas e simplesmente não nos limitamos a ser e a estar, ao sabor da maré, seja ela forte ou calma como um mar morto e terno?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:03

Do corpo e do espírito

Terça-feira, 11.09.18

 

books.png

 

Um bom amigo, mais dado aos prazeres dos sentidos do que aos do espírito, pediu-me um dia, a meio de uma batalha de imperiais, para que na sua lápide ficasse escrito o seguinte epitáfio: “Foram mais as que quis dar do que as que dei”. Quando me ri do seu pedido, ele irou-se e fez-me prometer, sobre a espuma derramada de uma mesa cheia de imperiais, que cumpriria o seu último desejo. Ainda hoje não sei o porquê dessa estranha vontade. Talvez rir-se na cara do mundo, talvez uma amargura animalesca que lhe feria a alma e que necessitava de expurgar, talvez um aviso para o mundo, para a felicidade futura dos seus entes queridos que o visitariam no aniversário da sua morte.

 

Eu, que não desprezando os deleites do corpo me apego bastante aos prazeres do espírito, deixaria inscrito na minha lápide: “Foram mais os que quis ler do que os que li”. Com pena minha, será essa uma das tristezas que legarei a esta vida. Leiam isto e pensem nisso. E leiam.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 15:13

Femme fatale

Sexta-feira, 07.09.18

 

black.jpg

 

Foi no momento em que ela lhe virou as costas, naqueles breves segundos em que pairou a ameaça sentida como a mais aguçada faca no peito, foi nesse preciso instante em que todo o seu poder - que ela tão bem conhecia e exercia – se abateu sobre ele, soterrando-o nos seus medos e ridículas inseguranças, foi só nessa fracção de dor e de fátua esperança que tomou consciência de que nunca a perderia. Simplesmente, ela nunca foi dele. Uma mulher fatal não é de ninguém, o que nos é permitido mais não é que um bocejo distraído da dona do seu destino.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 16:48

Amor cão

Quinta-feira, 06.09.18

  

Michael Carlebach, South Beach Pier, California, 1

 Michael Carlebach, South Beach Pier, California, 1977

 

Não sei se o cão é o melhor amigo do homem e da mulher, só sei que das frases e reflexões (será isto merecedor desta classificação?) que mais me irritam são aquelas que têm por base a ideia de que o conhecimento aprofundado que se vai tendo dos homens conduz determinada pessoa a um crescente amor aos canídeos, em detrimento dos seus semelhantes. Eu, que tive um cão durante boa parte da infância, toda a adolescência e a maior fatia da juventude, que o sentia e tratava como parte da família, nunca esqueci, mesmo nessas tenras e néscias fases de desenvolvimento, que o meu terno e diabólico Snoopy não era comparável aos meus pares da condição humana. O Snoopy era irresistível, mas era um cão. Não desrespeito ou considero menos quem coloca o amigo de quatro patas no altar dos seus afectos, tenho apenas pena que boa parte dessas pessoas não entenda que essa devoção é uma forma de desistência, de reconhecimento da sua incapacidade de se dar aos outros, de os entender em todas as suas contradições tão humanas, de não conseguir deixar de por a ênfase nos defeitos de outrem sem olhar, preferencial e dedicadamente, a tudo o que faz com que os cães nos idolatrem.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 16:32

Juizinho é o que nos falta

Sexta-feira, 31.08.18

 

máquina.jpg

 

Um dos maiores dramas da vida moderna é passar pelo tormento de uma máquina de lavar roupa avariada. É a roupa que se acumula, é a garantia que não resolve o problema no imediato, é o canalizador que nunca tem tempo para aparecer, é a roupa a acumular no cesto e a desaparecer das gavetas. Como qualquer tarefa pendente que se eterniza, percebemos que no futuro a coisa só vai piorar, pois a pilha de roupa que cresceu nos dias anteriores irá inapelavelmente distribuir-se pelos cinzentos dias que se avizinham. Sim, há a fome em África e o drama da Venezuela, mas teimamos em ser umas bestas que não sabemos relativizar os nossos dramaszinhos mundanos. Tenhamos juízo.

 

venezuela.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 16:41

Só eles sabem

Quarta-feira, 22.08.18

 

Miranda Kerr.jpg

 

- Sei que tu sabes que esse vestido os vai deixar loucos. Sei que não o vestes para lhes estimular a salivação, mas sabes que vai ter esse efeito. Em suma, não querendo nada com esse enlouquecimento, dá-te algum prazer saber o efeito que provocas neles.

- Dá-me prazer sentir-me bonita, confiante e uma mulher poderosa. O efeito que causa nos outros fica com cada um.

- E gosto que te sintas assim e sintas prazer com isso, minha querida. Ver-te feliz faz-me feliz. O efeito que isso causa nos outros e os eventuais efeitos boomerang que possam depois repercutir-se em ti, é lá com eles e contigo, e eu não tenho outro remédio senão saber lidar com isso.

- Não te dá prazer saber que tens esta mulher e este corpo tão desejados por esses lobos sequiosos de carne?

- Não o nego, mas também não escondo o ciúme que me persegue nas horas, dias e noites em que não estás comigo.

- E não te excita, saber que excito outros quando não estou contigo?

- Só quando te tenho nos braços e me lembro disso.

- Tens bom remédio, então.

- Sim, hoje. Hoje vou lembrar-te bem do quanto excitaste outros homens quando não estavas comigo.

- Sim…sei que mereço ser castigada...como só tu sabes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 11:12

O regresso

Segunda-feira, 20.08.18

 

6.jpg

 

O regresso à vida dos restantes 11 meses é, nestes primeiros dias, o regresso à incompreensão das opções que tomamos quanto ao que fazemos com as nossas vidas. Lamentamos o abandono dos prazeres em detrimento de dias recheados de obrigações, deadlines, pressão em cima de pressão, correr para não deixar o prazo escapar, correr para os putos não chegarem atrasados à escola, correr para satisfazer quem, o quê, porquê? Mais tarde, quando depois de estranhar se começa a entranhar, percebemos que não temos alternativa, que o caminho é este, que o dolce fare niente nunca nos dará aquilo que nos permitirá o dolce fare niente. Se nos deixarmos iluminar pela luz que existe em nós, mas que teimamos em ocultar sob o stress das correrias, perceberemos amanhã (um dia, daqui a um ano, demasiado tarde?) que podemos correr com um sorriso nos lábios, espalhando magia e sorrindo da azáfama dos que não se deixaram ainda iluminar. Com calma, minhas amigas e meus amigos, vejam lá isso.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 16:26

Silly season - é prá menina e pró menino 3

Segunda-feira, 06.08.18

  

10.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:01





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

pesquisar

Pesquisar no Blog