Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Uma pausa no turbilhão

Quarta-feira, 18.03.09

 

Há dias em que olho para o papel em branco e não consigo fazê-lo ganhar cor, nem que sejam uns míseros rabiscos. A mente navega, o espírito dispersa-se, lá longe está a concentração necessária para que o pensamento saia firme e escorreito. Acho que é nestes momentos que, mesmo contra a minha vontade, o cérebro faz questão de descontrair e de me mandar à fava, eu cidadão armado em guardião da racionalidade.

 

Nestes momentos duas alternativas se atravessam no curto horizonte preenchido por uma mão cheia de nada. Ou fecho os olhos e durmo, ou penso nas coisas boas da vida e reforço as energias com uma baforada de prazeres. Quais são aqueles pequenos prazeres que alimentam o gosto pela vida? Sem pensar muito (que o cérebro não está para isso) deixa cá ver, sem grandes ordenações de importância:

 

1. Trabalhar de janela aberta e ouvir ao fundo o som dos aviões, como que um urro indistinto e interminável vindo do confim dos céus. A porta está fechada, o gabinete solitário como uma masmorra, mas sei que não estou sozinho. Há por ali um pássaro dos céus repleto de vidas humanas.

 

2. A primeira cerveja de uma jantarada com amigos. Um prenúncio dos bons momentos que se vão passar é dado pela branca espuma. A espuma dos dias deveria ser sempre esta, uma orgia de brindes deveria invadir-nos diariamente.

 

  

3. Provocar o sorriso espontâneo de quem gosto. Surpreender quem nos atura há anos é sinal que que não parei no tempo, de que me reinvento todos os dias nem que seja nas figuras de parvo.

 

 

4. Abrir a persiana e ver o sol brilhar. Não me lixem, este país não nos merece. É sol a mais para tanto fato cinzento, tantas caras pesadas e gastas, tantos queixumes derrotistas.

 

5. Ouvir o Medina Carreira, o Pulido Valente, o Sousa Tavares e o Mário Crespo. Qualquer criatura que rompa o status quo neste país de múmias indistintas é um herói. Mesmo que só diga tolices ou vacuidades.

 

 

6. Estar no meio das férias, naquela fase em que as lembranças do trabalho que ficou já quase se esfumaram, em que o fantasma do trabalho acumulado que aí vem ainda não me branqueou as noites de sono.

 

7. Não fazer a barba, não ter de a fazer. Ou ter de a fazer e fazer de conta que no pasa nada. Espero que isto não seja o cúmulo da minha irreverência.

 

8. Sushi. Salmão, muito salmão, em sushi, sahimi, makimonos, venha ele, o vermelho bicho. A pele de salmão grelhada embutida no arroz. Sacana do Skin é mesmo bom.

 

9. Tinto do bom. Já não tenho idade para vinhos que "deixam-se beber". O Cabernet Sauvignon 2005 da Companhia das Lezírias, o Xisto (qualquer ano), um Pancas Premium 1999 que parecia caramelo mas sem enjoar, o Valle Pradinhos (o branco aqui também é de realçar), um T Quinta da Terrugem 2001 que deixa muitas saudades, o Quinta das Baceladas 2004, um Casa de Santar Reserva, um Quinta das Estrémuas Reserva 2005 que encontrei a preços de saldo, Couteiro-mor reserva 2004, um Herdade dos Grous Reserva, e uma relação preço qualidade excelente e que recomendo - Casa Ermelinda Freitas reserva 2004. Enfim, muitos mais que agora não vêm à boca e ao nariz. Vinho tinto é para mim o néctar dos deuses.

  

 

10. Ler, escrever, pensar no que li e no que vou escrever. Blogar, ler blogues, descobrir talento perdido pela rede. E chega, que os prazeres são mil e o cérebro já desperta...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:25


2 comentários

De Teresa Nesler a 19.03.2009 às 01:13

Ola Antonio,
Longe da Patria, dei comigo a sorrir com as suas coisas boas da vida, que afinal sao as de quase todos nos! Numa altura em que anda meio mundo a chorar baba e ranho, pelos cantos, acho que se nos concentrassemos nestas, e noutras coisas boas, das quais nao falou agora, acompanhadas de um certo humor, certamente teriamos mais razoes para sorrir e enfrentar o que para ai ainda vem. Por mim estou a saborear as ferias ate ao maximo!
Ate uma proxima/Teresa

De bolaseletras a 19.03.2009 às 20:09

Olá Teresa,

É isso aí, foquemo-nos nas coisas boas da vida. Desejo-lhe umas excelentes férias, disfrute até ao tutano!

Até breve

António

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog