Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Destaque - obrigado sapo!

Sexta-feira, 24.07.09

 

Chegar a casa e ver o Bolas e Letras em destaque no sapo sabe bem e reforça a vontade de continuar. Um bem haja e um obrigado à equipa do Sapo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:13

Parar para pensar

Sexta-feira, 24.07.09

 

 

 

Estão por todo o lado. Enxames de vozes sobrepostas, sons emaranhados em palavreado de circunstância, silvos de letras encadeadas que se esfumam na leveza dos significados. Falo dos palradores profissionais, pessoas que para evitar o silêncio que as ameaça com assustadores exercícios de reflexão e auto-conhecimento falam falam falam sem parar.

 

Estão nos confins da terra dispersas por faladoras carruagens do metropolitano, peregrinam frases soltas pelas avenidas e ruelas das cidades em que cozinham a sua sopa de letras sem fim à vista, como se tivessem criado um alfabeto próprio que fenecesse com o não uso das suas filhas em forma de hieróglifos sonoros. No canto da sala de espera com um solitário livro penso que me candidato a espécime em vias de extinção, um extraterrestre nesta cidade que regurgita sons sem sentido, que abomina as frases silenciosas que nascem das páginas de um livro.

 

 

 

A multidão é o consolo destes profissionais da fala, o calor que sentem no seio do ruído ensurdecedor conforta-lhes a alma, isola-os do dilacerante silêncio que um livro lhes poderia impor. Caminho calado e sinto-me uma aberração, não falar é não viver segundo a religião da palavra solta. Coloco a chave na fechadura e falo finalmente com gosto com quem gosto de falar, com interesse em receber e dar palavras, frases com sentido que valem mais que o silêncio. Pudessem as palavras ser gastas apenas quando nos dessem mais que as páginas de um livro. Conversa da treta, dirão alguns.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:12

O malabarista

Quinta-feira, 23.07.09

 

 

Usurpado daqui: thedw.us/.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:57

Do tempo em que as vacas não eram magras

Quinta-feira, 23.07.09

 

 

 

Nos tempos que correm encontrar uma cantora sexy que nos arregale o olho é o pão nosso de cada dia. Em cada recanto há uma Shakira, em qualquer canal de música a Anastacia nos entra pela casa dentro. Vivemos em tempo de vacas gordas no que a sensualidade feminina na música respeita.

 

Contudo, há curvas que nos povoaram os sonhos de adolescência que jamais voltámos a reviver nos tempos de hoje. A moda dos corpos esbeltos, perna magra e coxa esguia arruinou os lascivos sonhos daqueles que cresceram com artistas de seios fartos, coxa grossa e corpos de curvas assassinas. Outros tempos que as vozes que são mais do que as nozes afirmam ser mais saudáveis e contidos, novos tempos que artificializam as voluptuosas formas que a natureza deu à vida no seu estado original.

 

 

Bom, fiquemos então com o fruto desta história de curvas e contracurvas: Samantha Fox e Sabrina, foram estas as musas que pastaram no prado dos nossos virginais sonhos adolescentes. Those were the days.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 12:25

A propósito do Tour de France - da felicidade pura e dura

Quarta-feira, 22.07.09

 

 

 

Outros títulos para este post poderiam muito bem ser:

- "1001 razões para dar ao pedal";

- "Assim também eu pedalava que nem um louco";

- "Pernas para que vos quero";

- "Da explicação do sofrimento humano";

- "Da superação física e das suas motivações curvilíneas";

- "Da causa justa para o doping no ciclismo".

 

Agora muito a sério: observem as expressões de êxtase destes tipos e digam-me se não estamos em presença dos seres humanos mais felizes do planeta e arredores. Quem corre por gosto não cansa e a cenoura no fim da corrida também não é de desprezar.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:35

Da série pérolas da blogosfera - A bíblia vermelhusca e se o ridículo matasse

Terça-feira, 21.07.09

 

 

 

Aprendi a gostar de jornais muito cedo. Não, não comecei a ler o Expresso mas sim A Bola, jornal que me fazia gostar ainda mais do que eu já gostava naquela tenra adolescência, o futebol e todo o circo que anda à sua volta. Comigo, milhões de emigrantes matavam saudades da língua pátria lendo A Bola, a bíblia, aquele jornal que tornava ainda mais belo o mais belo desporto.

 

 

  

 

Os tempos passam os vícios instalam-se. Hoje, certamente porque é aquilo que mais papel vende, A Bola é um panfleto propagandístico do Benfica. E acreditem, se este triste estado já foi dissimulado, hoje a vergonha é assumida à descarada. Na edição de ontem o reforço Javi Garcia, suposto salvador do meio campo benfiquista, jogador que a época passada fez 15 jogos no Real Madrid como defesa central (!!!) é referido como sendo cobiçado por clubes de toda a Europa, tendo o Benfica conseguido ganhar a corrida a todos esses pretendentes! Epá, vão gozar com o Constâncio, foda-se, esse ao menos também goza connosco. 

 

 

Além de mim, também o Sousa Cintra no blogue ocacifodopaulinho.wordpress.com/ se deparou com esse facciosismo patético, de um jornal que já foi de referência. O texto do blogger que se intitula como Sousa Cintra demonstra bem até onde vai a pouca vergonha, muito próximo do ridículo:

 

"Quando o ridículo não tem limites os leitores mais incautos correm o risco de ler coisas destas:

“Jorge Jesus apresentou-se no estágio, em Genebra, com um novo penteado. Não se tratou de uma mudança radical, mas a aparadela foi significativa, dando-lhe um look mais sóbrio. O treinador, de resto, nunca descura os pormenores relacionados com a sua imagem“. (in A Bola, pois claro)

 

  

 

Alguém aceita uma aposta? Meto 20 euros em cima da mesa… Aposto 20 euros em como A Bola conseguirá, até ao fim da época, escrever uma destas três coisas:

a) “o treinador, de resto, nunca descura a fluência no discurso e há quem o compare ao padre António Vieira“;

b) “o treinador, de resto, rivaliza com Alex Ferguson no número de títulos e taças conquistadas“;

c) “o treinador, de resto, é o melhor do mundo porque nós somos patetas o suficiente para assumir que ele é o melhor do mundo porque só os melhores do mundo é que treinam o Benfica como todos os melhores do mundo que treinaram o Benfica nos últimos anos inclusive o Artur Jorge que era o melhor do mundo e os outros e o Koeman e o Sounesse e mais os outros como o Heynckes que esse sim era mesmo bom foda-se mesmo mesmo bom e ainda aquele outro aquele cujo nome não me recordo ah pá aquele pá que tinha bigodinho e era alourado e brasileiro também era mesmo bom quase tão bom como o Camacho que era genial ou o Chalana que era tão bom e tão fluente como o Jorge Jesus talvez tão bom como o Quique pá um senhor mesmo mesmo bom mas não tão bom como o Jorge Jesus que esse sim é mesmo mesmo bom é espectacular e fala bem e tem métodos de treino inovadores e o fato de treino cai-lhe tão bem e que bom que ele é foda-se ninguém pára o benfica allez oh viva o Jorge Jesus“."

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 19:17

Meridiano de sangue (pérola 1) - O lado negro da criação

Segunda-feira, 20.07.09

 

 

"Um homem vê-se em palpos de aranha para entender a própria mente porque só tem a própria mente para entendê-la. Pode entender o próprio coração, mas não quer. E faz muito bem. O melhor é nem espreitar lá para dentro. Não é o coração de uma criatura que esteja no caminho que Deus lhe traçou.

 

Encontra-se ruindade na mais mesquinha das criaturas, mas quando Deus criou o homem tinha o diabo à sua ilharga. Uma criatura capaz de tudo, capaz de criar uma máquina e uma máquina para criar a máquina. E maldade que se perpetua sozinha durante um milhar de anos, sem ser preciso alimentá-la."

 

 

Cormac McCarthy desdobra a teia de personagens de "Meridiano de sangue" por entre as contradições da condição humana. Uma assunção em forma de quadro macabro de que a realidade que perpassa pela época, local e condições descritas no livro é a realidade da negra face do homem. O autor explora até ao tutano o buraco negro que vive em cada um de nós e que nos alimenta, muitas vezes injectando nas veias o veneno que nos destrói.

 

A natureza inclemente é o meio onde o homem habita e procura sobreviver, o próprio homem corrói e verga a natureza às suas necessidades supérfluas. Por outro lado, o homem é o predador do homem, a lei de dente por dente olho por olho nunca fez tanto sentido e nunca foi tão bem entranhada em nós que, passo a passo, receosos, vamos desfolhando as páginas deste pesadelo. Se precisam de algo forte, se pretendem fugir por momentos da redoma da monotonia em que a vossa realidadezinha pacificada vos envolve, abracem o "Meridiano de sangue". Não ficarão indiferentes, garanto.

 

Para saberem mais sobre esta obra única acedam à página oficial do escritor e consultem a secção www.cormacmccarthy.com/works/bloodmeridian.htm

 

       

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:47

Tributo a Yannick Djaló que encontrou o amor

Segunda-feira, 20.07.09

 

 

 

Creio que título mais Kitsch para este post seria difícil, mas mesmo assim creio que não superei a pirosice com que esta delicodoce história de amor tem sido difundida para o mundo pelos dois pombinhos. Luciana Abreu revelou no seu blogue o cumprir do sonho de bela adormecida que acordou do sono do amor, o próprio Djaló deixou uma mensagem para os fans no blogue da jovem estrelinha, alardeando ao universo que a mulher que sempre desejou é a extasiante Luciana.

 

Com poucas esperanças que o ditado "sorte ao jogo azar no amor" venha finalmente a cumprir-se, (isto considerando as fracas prestações desportivas de Djaló e o aparente enlevo com que os dois jovens enamorados se apresentam), parece-me que é cada vez mais urgente que Bettencourt abra os cordões à bolsa e saque um coelho da cartola, de preferência com umas patinhas amestradas para os golos. Isto do amor só é mesmo bom para quem o vive. Os mirones, neste caso os sportinguistas, lixam-se sempre. Enfim, é a sina do mexilhão.

 

p.s. - Yannick, desculpa lá privilegiar as fotos da Luciana, mas certamente que perceberás a opção estética. De facto, os louros cabelos da nossa Floribela ligam melhor com o layout do "Bolas e Letras" do que as tuas formosas tranças negras.

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 11:17

O melhor do mundo são as crianças

Domingo, 19.07.09

 

Estas e muitas mais imagens agri doces em aureamediocritas.blogs.sapo.pt/, um blogue onde o humor negro é o pão nosso de cada dia.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:10

Sporting 1 - Feyenoord 2

Sábado, 18.07.09

 

 

 

Em tempos de dedicação exclusiva à dança dos biberons e ao suave restolhar das fraldas perfumadas, a análise ao jogo de apresentação do meu Sporting não irá ser muito aprofundada (uff). Aliás, para abreviar e suavizar a coisa em época de silly season, a análise incidirá na troca de sms entre mim e mais alguns sofredores amigos sportinguistas. Este espírito de abertura revela uma das muitas qualidades do povo leonino.

 

O conteúdo das referidas mensagens demonstrará à saciedade que somos pobres mas honestos, somos derrotados mas não perdemos o sorriso. Um sportinguista sabe que o futebol não é o mais importante da vida, que para além da paixão clubística valores mais altos se (a)levantam (o a é um tributo ao Sr. Vieira), tais como a cerveja, os caracóis e as gajas boas. Fiquem então com os momentos íntimos deste povo sofredor:

 

 

- "O Abel é o pior jogador do mundo, seguido de perto pelo Caneira e pelo Tonel";

- "O Tonel deu a volta ao jogo!";

- "Pior só mesmo os gajos da TVI";

-"Nem na pré-época...";

- "O fado lusitano já começa a minar o desempenho do levezinho";

- "Meti-me a ver um bocado. Ao fim de 5m desliguei. Que miséria. E ainda me mandam cartas a dizer que tenho 500 euros de quotas por pagar!!!".

 

É este o estado de espírito da nação sportinguista. Contudo, porque sou um eterno sonhador e creio acima de tudo na raça leonina, acredito que ainda vamos ser campeões!!! Eu faço a minha parte, vocês façam a vossa, porra!

 

 

Fiquem com este sinal de esperança num futuro melhor...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:53






mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog