Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



FELIZ NATAL!

Sábado, 22.12.12

 

 

Esta fotografia foi tirada algures num subterrâneo de Londres, no dia de Natal, em plena segunda guerra mundial. Naqueles tempos não se falava em crise, era mesmo a sobrevivência que estava em causa. Ainda assim são poucas as caras sem o brilho dos sorrisos. A moral da história é simples: deixemo-nos de encher a boca com a crise e a troika, vamos à luta, vamos a sorrir e Feliz Natal para todas as minhas amigas e amigos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:06

Se podes olhar vê - Pelé no trono dos eleitos

Sexta-feira, 21.12.12

 

 Fotografia de Luiz Tripolli

 

O que há para ver na foto de um dos melhores jogadores de todos os tempos abraçado a uma bola como quem se abraça à mulher de toda uma vida? O amor, a devoção, o segredo do sucesso que nasce de uma relação de total dedicação, sem dúvidas, sem buracos negros, sem desvios na trajectória. Ser o melhor no que se faz exige não menos do que dedicação exclusiva, amar sem limites obriga a esquecer tudo o resto, todos os outros. Olhamos e vemos um homem como uma criança agarrada ao brinquedo preferido. Por outro lado, podemos parar, observar com minúcia e encontrar uma perfeição quase sobre-humana no abraço de Pelé. Por isso no trono dos predestinados se sentam tão poucos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:28

Os heróis dos tempos modernos

Quinta-feira, 20.12.12

 

 Fotografia por Yuanling Wang

 

Este tipo de fotografias e temas infantis deixam geralmente antever um conjunto de considerações lamechas, emocionadas e afectadas por esse constante estado de encantamento e ansiedade que é o da paternidade. Por acaso, não é essa a ideia. A ideia é mais soltar um ligeiro uivo de raiva pelo que desconhecemos sobre o futuro que espera os nossos filhos. Sabemos hoje que o curso da história anuncia que a próxima geração verá, em contraciclo com as últimas dezenas de anos (séculos?), as suas condições de vida degradar-se, as suas ambições de carreira e de prosperidade estreitarem-se, os seus sonhos ganharem tonalidades cinzentas e pouco dadas a esfusiantes celebrações do género “ a vida é bela nós é que damos cabo dela”. Junte-se a isso o pânico, a esquizofrenia, o atroz sofrimento que impele os pais a fazerem dos seus filhos os melhores, os mais competentes, os mais informados, os mais tecnologicamente artilhados, os mais atléticos, os mais cultos e, arrisco-me a dizer, os menos conhecedores do que realmente significa ser criança e só podemos mesmo considerar que estas crianças têm tudo para ser os heróis dos tempos modernos. Isto é, se sobreviverem a este alucinado processo de asfixia parental. Vejam lá isso, paizinhos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:17

Se podes olhar vê - Para lá da moça, o rapaz na crista da onda lá ao fundo

Quarta-feira, 19.12.12

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:28

Salvem-se os trampolins! (Marítimo 2 - Sporting2)

Terça-feira, 18.12.12

 

 

Se há alguns meses me atormentava o facto da rotina pós laboral banho/jantar/ brincadeira com os miúdos muitas vezes me impedir de assistir com olhos de ver aos jogos do meu Sporting, nos tempos que correm essa dificuldade é sentida como uma bênção. Pouco vi do jogo, mas a TSF teve a gentileza de me informar, aos 15 minutos de jogo, que o melhor em campo era já Marcelo Boeck. Vi ainda um bom remate de Viola, um excelente golo de Wolfswinkel, muita aselhice defensiva e demasiada tremedeira, acabando a festa com uma aposta desesperada em Xandão a ponta de lança que acabou por resultar bem. Mas tudo parece tão pesado e difícil, tudo é excessivamente extirpado do fundo das forças da equipa.

 

Como mudar este estado de coisas? Mudar a causa deste buraco negro é o princípio e essa causa foi Godinho Lopes, as suas inúmeras apostas falhadas, os seus desesperados investimentos sem resultados, a sua patética liderança, a desinspiração contagiante que este triste homem lança sobre todo o clube e os seus profissionais. E alternativas? Que sportinguistas com nome, peso, competência e crédito na banca se arvorarão a arriscar o seu nome, fortuna e futuro num clube que empenhou os últimos milhões numa equipa sem génio e sem esperança? Não conheço nenhum e não acredito que existam candidatos sérios. Como diz a minha cara-metade, pelo menos que a desgraça não conduza à penhora dos trampolins da ginástica, que o desgosto do nosso pequeno Miguel seria enorme. Salvem-se os trampolins!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:54

Sobre o príncípio da igualdade de tratamento

Segunda-feira, 17.12.12

 

 

Há dias encontrei por terras facebookianas este interessante cartoon, postado e assim comentado pela competentíssima e giríssima pivot/jornalista Cristina Esteves:

 

“O outro lado da moeda das condições impostas às Grécia são 'grotescas' na severidade das medidas de austeridade exigidas e na 'decapitação' da pouca autonomia financeira que lhes restava... Chegará invocarmos o princípio da igualdade de tratamento?”.

 

A este assomo de controlada indignação respondeu um amigo da Cristina Esteves com o seguinte comentário:

 

“Cara Cristina, antiga colega, acho que o único princípio que podemos invocar é o da igualdade de sofrimento…”.

 

A minha reflexão final sobre tudo isto é também isenta de esperança. Pior do que cair no buraco é entrar numa espiral de descrença sobre a existência de soluções para de lá sairmos. E neste momento é nesse buraco sem fundo que nos encontramos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 17:50

Não se é Sir por dá cá aquela palha

Domingo, 16.12.12

 

 

“Jose [Mourinho] can manage anywhere, absolutely. I would never think a guy who hasn't played a game could be a top coach, but then you've got to look at his personality – I think his personality does it. He's got a marvellous, strong personality and I think that bridges that gap. His trophy haul is incredible. How old is he now, 50? So he is 20 years behind me. At the same rate he is going to add another 42 trophies. His current rate is amazing, isn’t it? I remember his first press conference [at Chelsea]. He was telling the players, 'Look, I'm the Special One, we don't lose games'. Bloody hell, coming to England, he is only a young man and saying he is the Special One! But what it did, it told all the players to have the belief they were going to win the league."

 

Sir Alex Ferguson

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:08

Tomates precisam-se! (Nacional 1 - Sporting 1)

Sábado, 15.12.12

 

 

Neste Sporting em constante estado de ansiedade, neste punhado de rapazes à beira de um ataque de nervos, não sei o que preocupa mais. Se o facto de a cada jogo que passa a falta de qualidade de alguns jogadores se tornar cada vez mais escandalosa, se a desgraça de perceber que os 11 rapazes que por ali andam parecem não se conhecer, dada a inacreditável ausência de fio de jogo que lhes una as pontas soltas. Mas não é só. A confiança, como não poderia deixar de ser, já desceu abaixo do nível da relva (o sinal máximo da descrença foi aquele lamentável penaltie de Wolfswinkel e o seu piedoso desespero após a asneira). Não fora o improvável milagre em forma de míssil inventado por Cédric e a derrota teria sido inevitável e provavelmente merecida.

 

E de positivo, nada a assinalar? Neste deserto de vontade e garra que é o actual Sporting é inevitável louvar aqueles que puseram em campo alguns laivos de força mental e anímica. Mais que todos o pequeno Capel, que apesar do problema da cabeça demasiado próxima da relva e por vezes afastadas das linhas de passe para onde deveria olhar, carrega com toda a equipa às costas, correndo, correndo, inventando, puxando pela energia de colegas que não se deixam contagiar. Depois, os tomates do jovem inglês Eric Dier. Nos últimos minutos, não contente com o empate (o que dói ter percebido que para boa parte dos jogadores aquilo não era mau de todo), Dier procurou furar sozinho, encontrar espaços, inventar lances de perigo só com a sua vontade. Inteligente? Provavelmente não, mas mostrou que o rapaz teve e tem tomates. E neste momento também estes faltam à equipa: tomates precisam-se para combater a crise!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:10

Se podes olhar vê - Laetitia Casta

Sexta-feira, 14.12.12

 

 

 

 

Fotografada por Dominique Issermann

 

Olhar o corpo e ver a mulher. Buscar a matéria e encontrar o espírito. Ver para além da carne, desvendar a alma. Possibilidades teóricas que necessitam de concretização terrena e de adesão dos que olham, sob pena de tanta beleza oculta se perder no calor da flor da pele.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:16

Se podes olhar vê - Até prova em contrário

Quinta-feira, 13.12.12

 

 

Olhamos para esta paisagem arrasadora, imaginamos qual será a sensação do ser humano que toma descansado o café da manhã naquela tenda perdida num deslumbrante raiar do dia, e consolamo-nos com as sensações que a nossa imaginação nos traz. Olhamos e sorrimos com o que vemos. Mas não devíamos ver mais além? Não devíamos sonhar, aspirar, forçar a nossa aproximação a desejos que tendemos a observar de longe? Não mereceremos mais que isso? Não será nosso dever para connosco, para com a realização da nossa vida, concretizar sonhos aparentemente distantes, pelo menos perseguir um sonho longínquo por ano, pelo menos tirar os pés do chão uma vez na vida que seja? Têm-me dito muita coisa, mas até aos dias de hoje apenas uma me parece absolutamente verdadeira (até prova em contrário, claro está) – só cá andamos uma vez, convinha fazer render o peixe.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 19:33






mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog