Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Para as musas do meu Eden

Sábado, 08.03.14

 

Dia da mulher é quando um homem quiser. Homem que não queira que assim seja todos os dias não é verdadeiramente merecedor da benção de ter na sua vida esse milagre da criação. Obrigado meninas, mães e mulheres.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:46

Uma outra Rússia - Yuliya Snigir

Sexta-feira, 07.03.14

Há quem diga, e bem, na minha modesta opinião, que tememos sobretudo o que desconhecemos. Por esse motivo, obviamente desinteressado e humanitário, o Bolas e Letras propõe-se dar a conhecer com maior profundidade e sem temores o mais belo que a nação russa tem para nos dar, se possível tocando na profundidade da alma de uma nação que nos ofereceu génios como Dostoievski ou Tchaikovsky. Começo esta série pela jovem atriz, nascida na região Russa de Tula no santo ano de 1983, Yuliya Snigir. Fica aqui a prova irrefutável de que a Rússia não é só gelo, de que olhares de gelo podem queimar como o fogo da paixão.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 17:03

Vladimir...

Quinta-feira, 06.03.14

  

…Pára, escuta e absorve esta pérola de sabedoria, antes que te e nos desgraces. Nunca a merda da guerra fez a luz brilhar no fundo do túnel da desesperança e das ingénuas esperanças, nunca o sangue jorrado nos páteos dos palácios dos czares ajudou a parir uma criança, não há memória de que as foices bolcheviques tenham feito germinar louras espigas de trigo. Desde os sonhos colectivistas de Estaline, das suas purgas assassinas, do degredo dos gulags e das grandes fomes provocadas pela alucinada ambição de Josef Vissarionovitch Stalin até aos dias de hoje, sentimos que a loucura grassa e prolifera nos líderes daquele desgraçado povo que habita as geladas terras soviéticas. Vê lá isso, Vladimir, a história há-de servir para alguma coisa. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:42

Os homens estão loucos, os russos estão bem pior

Quarta-feira, 05.03.14

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 20:45

É Carnaval, ninguém leva a mal

Terça-feira, 04.03.14

 

Toda a estratégia que este governo tem seguido para “racionalizar” (na verdade, a isto chama-se racionar) a função pública é catastrófica. Tudo começou na incapacidade em definir o essencial: escolher/saber o que é que o Estado deve fazer, avaliar depois o que o Estado faz melhor ou pior para que o foco do serviço público incida nas atividades eficazmente desempenhadas. Depois, os cortes ao desbarato, atingindo da mesma forma os bons funcionários e aqueles que tão mau nome dão à função pública. Sempre afirmei que a função pública tem muito para corrigir, muito para reformar, muitas gorduras a eliminar. No entanto, sei bem, como o saberemos todos se formos honestos nessa análise, que no privado subsistem os mesmos ou piores vícios e irracionalidades que na área pública. Hoje, quando deixei os miúdos numa escola quase vazia, em que os restantes miúdos seriam filhos de funcionários públicos sem mais sítio onde os deixar, quando me deparei com estradas e bombas de gasolina desertas, senti pela primeira vez uma raiva surda e uma vontade de fazer como o senhor assessor de imprensa Zeca Mendonça: ter um momento de descontrolo, e depois, plácida e candidamente, pedir desculpas. Não, não era num pobre fotógrafo que iria dar um biqueiro, acreditem que não…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:14

Das ironias da história

Segunda-feira, 03.03.14

 

"We are not dealing with a global crisis, but simply with the shift of progress away from the west. Is a potent symbol of this shift not the fact that, recently, many people from Portugal, a country in deep crisis, are returning to Mozambique and Angola, ex-colonies of Portugal, but this time as economic immigrants, not as colonisers?"

Slavoj Žižek

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:12

Enquanto isso, pelas estepes do leste...

Domingo, 02.03.14

 

Tenho andado a ler intensamente uma miríade de artigos sobre o conflito Rússia-Ucrânia-resto do mundo. Não obstante a absorção desse manancial de sabedoria enlatada, motivada por um misto de preocupação planetária e de morbidez coscuvilheira, pouco tem mudado sobre o que já desconfiava dos meus pares, isto é, a restante humanidade. Por mais que as trombetas da realidade anunciem que estamos à beira do abismo, é como se um campo magnético irresistível nos atraísse para esse alçapão de dor, estupidez e caos. Pouco adianta esmiuçar sobre a história da Crimeia, dos Tártaros, dos ódios de Putin contra o Ocidente e dos sonhos revanchistas de mais um triste traste que a humanidade pariu, de nada serve conhecer com maior ou menor detalhe a possível eficácia das ameaças de Obama e dos estrangulamentos económicos que os EUA e a Europa possam aplicar à Rússia. Quando a ambição desmedida e o ódio dão as mãos os olhos da razão cegam sem pestanejar. O mundo está, agora sim, terrivelmente perigoso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 21:42

Sporting 2 - Braga 1

Sábado, 01.03.14

 

O Sporting, não obstante ser o melhor clube do mundo, não deixa de ser uma tragédia grega. O primeiro golo, provocado por uma torrente de peripécias peripatéticas, iniciadas por uma falha numa saída a um cruzamento de Patrício que permitiu ao bracarense Rafa rematar para uma baliza deserta, que heroicamente Cédric conseguiu desviar para o poste. Num clube sem a constante sombra da espada da tragédia o lance acabaria com um suspiro e um agradecimento a Cédric e à sorte que conduziu a bola ao poste. No Sporting a cena terminou com a desesperada corrida de Patrício de regresso à baliza, cruzando-se inesperadamente com a bola que lhe batendo no pé, rechaçou novamente no poste, ou melhor, no lado errado do mesmo, o que a conduziu inapelavelmente para a amaldiçoada baliza. Depois disso, a desesperança por ver a falta de intensidade de Magrão, a falta de “peso” de André Martins e a aparente desinspiração de Slimani. Olhando para as duas equipas, comparando jogador a jogador, desconfia-se que talvez o Braga não seja inferior a este Sporting. Felizmente, o futebol não é só toque de bola, velocidade, remates certeiros ou capacidade física. A impulsionar tudo isso a alma é essencial, e essa vê-se nos dentes cerrados e na faca da liga de Maurício e de Rojo, na garra tecnicista e destemida de Carlos Mané, no expulsar de demónios de Jefferson naquele penalty cheio de nervos e na crença, a última a morrer, do grande Islam Slimani! Obrigado rapazes, por nos darem tanta alma, por não desistirem dos vossos e dos nossos sonhos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:40


Pág. 3/3





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog