Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sempre convosco! (Real Madrid 2 - Sporting 1)

Quinta-feira, 15.09.16

 

z_scp1.jpg

 

Quando após o apito final o meu filho me perguntou incrédulo porque é que o Cristiano tinha marcado um golo de livre no fim e porque é que tínhamos levado mais um golo nos últimos segundos, parei ali no tempo e retrocedi a 40 anos de sofrimento. Lembrei-me de derrotas europeias nos últimos minutos (com o Barcelona em Alvalade), por penalties (Nápoles) de finais que não podíamos perder (contra os russos em alvalade), lembrei-me do tanto que já sofri por este clube. Um clube que amo e que me orgulho de apoiar sempre, nas derrotas e nas vitórias. Muitas lágrimas foram vertidas, mas tudo isso fez de mim melhor pessoa, mais forte, mais avessa a desistir e a perder a esperança. O caminho é de pedras, Miguel, mas vai valer a pena, acredita no pai. Obrigado rapazes, obrigado por terem acreditado ainda mais do que nós. Mesmo tendo morrido na praia foi um dia de praia fabuloso!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 09:46

Gosto muito de você, leãozinho

Quarta-feira, 14.09.16

 

z_cris.jpg

 

Meu querido Cristiano, como passaste a noite? Eu sei que deve ter sido menos descansada que as anteriores, sei que é impossível não ter a cabeça cheia de recordações, não sentir a emoção de voltar às origens. Sei que amas o teu clube de sempre, que nos queres muito bem, mas sei também que és um profissional de mão cheia. Por isso, sei que se hoje voltares a marcar um golo ao teu Sporting, como marcaste quando nos visitaste nos tempos em que brilhavas por terras de Manchester (e eu estava lá, no nosso Alvalade, a sorrir e a chorar por dentro contigo), sei que não festejarás ou que o farás timidamente, com aquela expressão de menino confuso porque sabe que atingiu um qualquer feito contra a vontade do seu pai. Nós também te amamos, Cristiano, por isso saberemos sempre perdoar-te e dar-te uma palmadinha carinhosa no ombro. Que te corra bem o jogo, amigo, que não te lesiones, que brilhes, que mostres mais uma vez ao mundo porque és único e inimitável. E que saibas ficar secretamente feliz quando vires os teus irmãos celebrar a inesperada vitória. Aquele abraço, Cris!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 11:00

Chuva divina

Terça-feira, 13.09.16

  

z_monica bellucci.jpg

 

E eis que a chuva regressa, as caras se fecham, o azul radioso cede ao cinzento triste e prenhe de pessimismo, o trânsito enlouquece, as praias esvaziam-se e o mar fustiga a areia indefesa, os corpos tapam-se e encerram as vãs esperanças de amores imprevistos. Um clique no céu e no humor das nuvens e temos a vida virada ao contrário. Lá longe uma luz ao fundo do túnel, como que um afago da providência enleado num consolo de algum Deus misericordioso. Sem aviso prévio, cai sobre este povo flagelado pela ameaça do regresso da chuva a boa nova de que Monica, a Bell(a)ucci, virá partilhar connosco esta vida de sofrimento. As caras fechadas suspendem os lábios caídos e uma fagulha de alegria aquece-nos o coração. Vinde Mónica, vinde fazer desta chuva de dor um banho de alegria!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:48

Da série contra o calor marchar marchar! - O telhado

Segunda-feira, 12.09.16

 

z_calor1.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 14:50

Weekend!

Sexta-feira, 09.09.16

 

consumismo.jpg

 

Chega a sexta-feira e as gentes rejubilam! Intrigo-me eu e o universo pelos motivos de tanto júbilo e contagiante excitação. Vai a maralha arrasar as pistas de dança da capital da moda, escalar montanhas longínquas, fugir para uma ilha deserta e copular que nem martas? Ou será que esta loucura é apenas uma fuga à neurótica rotina semanal do trabalhinho, da corrida trabalho casa-casa trabalho, lava roupa, seca roupa, passa roupa, enche a barriga dos putos, deita-os aos berros, levanta-os cedo demais, corre para o trabalho, sprinta para casa, etc. e tal? Sim, interrompem-se cinco dias que não são o sonho de uma vida mas não se chega, nessas 48 horas que se seguem, aos píncaros que conduzem àquelas fotos incríveis no Instagram, escasseia o material e a vida que permita encher o facebook de pérolas que despoletem a inveja dos amigos que tanto adoramos e a quem tanto queremos mostrar o quão felizes, viajados e dinâmicos somos. Na melhor das hipóteses, compras no shopping, uma almoçarada em família/amigos com putos aos berros e demasiado cheiro a fumo, mais tarde ver a bola pelo meio de umas cervejolas e a coisa lá se vai compondo. Não, não exagero, pessoal, é mais ou menos isto, para quem tem prole não fugirá muito disto. O segredo é a forma como vivemos tudo isso, como nos rimos de tanta piroseira, como contornamos o que tende a cristalizar-se, como encontramos escapes que não nos deixem cair nessa outra rotina. A luta é constante, não há forma de lhe escapar. Boa sorte!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 11:11

Da série contra o calor marchar marchar! - A ventoinha

Quinta-feira, 08.09.16

  

z_calor2.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 08:48

Chá gelado com amoras

Quarta-feira, 07.09.16

 

z_calor5.jpg

 

Suportou o que era humanamente possível com a elegância de uma duquesa, cumprindo os ditames do socialmente elogiável. Usou leves mas discretos vestidos do mais fino algodão, agitou o leque parcimoniosamente e bebeu chá gelado acompanhado de amoras acabadinhas de sair do frio. Extinguiu os incómodos fios de suor que se atreviam a beijar-lhe a fronte com a discrição de um alvo lenço de seda. Dentro daquele 19.º andar já não conseguia disfarçar mais a proximidade da desistência. Saiu para a varanda e o bafo a chamas invisíveis possuíram-na como um vendaval demoníaco e rasgou as vestes como se fosse a derradeira tentativa de sobreviver às labaredas e sentiu o leve consolo das lajes mornas na sua pele. Mas as lajes rapidamente aqueceram e recorreu à toalha vermelha que há pouco, em desespero, colocara no frigorífico. Entregou-se então ao abraço daqueles segundos de frio sob o seu peito e sentiu, como não sentia há muitos anos, que ser feliz podia ser simplesmente ficar ali deitada, sem leques, sem vestidos leves, sem a merda dos chás gelados que verdadeiramente sempre abominara. Adormeceu e sonhou com cavalos, em cavalgá-los em pelo, numa planície sem fim, sem leques, sem tecidos que a separassem do prazer de sentir o animal. Pelo meio mergulhou numa piscina gelada e soube-lhe pela vida. Montou de novo o cavalo e sonhou que não mais acordaria, que o sol não mais a levaria ao limite porque agora esse limite deixara de existir. Estava bem para lá dele, como sempre desejara e nunca o soubera.

 

z_calor4.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 07:24

E o calor que está?

Terça-feira, 06.09.16

  

z_calor1.jpg

 

“Complaining about the weather is the first sign of madness”, terei lido eu algures, não me lembro onde e quando, esquecimento certamente provocado pelo abraço ardente do astro rei que nos sufoca e conduz às portas da loucura. Ou então ouvi tal pérola num qualquer restaurante armado ao chique do reino dos algarves, da boca de algum decadente lorde inglês, amofinado pelas moscas lusitanas que vituperam o sol que atrai as melgas britânicas. Ansiamos o calor só para depois o sentenciarmos como excessivo. Sorrimos perante o amanhecer esplendoroso que só o sol nos oferece esquecendo que umas horas mais tarde tudo aquilo será demasiado, abrasador, desconfortável. Todos os sinais de que por isto ou por aquilo nunca estaremos satisfeitos começam nos nossos queixumes pelo sol, passam pelo irritante granizo, o nevoeiro, o frio que nos quebra os ossos, o raio da chuva que não para de cair. Todos os sinais de que não batemos bem da mona começam num dia de sol mas não desaparecem com as primeiras chuvas. Vejam lá isso.

 

z_calor3.jpg

  z_calor2.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 08:36

Nunca mais é Natal

Segunda-feira, 05.09.16

 

z_E o Natal, que nunca mais chega.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 09:51

Resumo do que será a época futebolística 2016-2017 (ao bom estilo Zandinga)

Sábado, 03.09.16

  

previsão.jpg

 

Um blog que se intitula bolas e letras e que não tem escrito sobre o mundo e as coisas da bola, ainda mais quando terminou o defeso e quando as trutas foram todas pescadas do mercado - isto não pode ser!

Ora bem, vamos lá então a resumir sucintamente a coisa, que urge lançar a temporada que se avizinha aqui no Bolas e Letras. Ponto prévio: toda a análise que se seguirá parte do pressuposto de que o meu Sporting vai finalmente recuperar a sua glória e resgatar o campeonato das garras dos infiéis. Vou indicar um sem fim de argumentos lógicos e inabaláveis, sabendo no entanto que a fonte essencial de todo o fio de raciocínio que irei partilhar com a nação futeboleira parte do mais animalesco que há no ser humano, em particular nesse menos nobre representante da raça que é o homem (que a mulher isso é outra loiça) – sim, essa fonte é a paixão irracional pelo clube do coração, o fanatismo descontrolado e assente nas indomáveis labaredas de um coração tresloucado. Vamos então a factos, que contra factos não há argumentos:

 

Sporting

- O nosso Jasus está como o aço.

- O nosso presidente perdeu a password do facebook.

- O Slimani era o maior, um tanque, um guerreiro que nunca desistia, é bem verdade. Ainda assim, aprendeu a jogar à bola há 2 anos, tinha 2 pés ainda com algumas imperfeições naturais de quem lá teve a morar tantos anos 2 tijolos. Em troca desses 2 a que me refiro vieram 3, o Bas Dost (dificilmente não será o novo Van Basten com melhores joelhos), o Castagnos (com este nome só poderá vir a ser o sexto violino) e o André (alguém tem que animar o balneário).

- O Adrien vai passar o ano todo a provar que ama mais o Sporting do que o seu paizinho o ama a ele e aos milhões que viu fugirem pela sarjeta. Isso só pode ser bom.

- O João Mário era jeitoso mas veio um tal de Alan Ruiz que por ter Ruiz no sobrenome só pode ser um génio, e que por não ter Bryan como primeiro nome não falhará certamente golos decisivos a 10 centímetros da baliza.

- O Ewerton e o Naldo saíram.

- O Patrício ama ainda mais o Sporting do que o paizinho do Adrien ama os milhões que fugiram pela sarjeta.

 

Benfica

- O Rui Vitória.

- O Jonas não vai para novo e o Luisão não vai com ele.

- O Rafa é munta pacanino.

- O Cervi é munta pacanino.

- O McDonalds da segunda circular está aberto 24 horas por dia (força Eliseu).

- O André Horta é fofinho mas é munta pacanino.

- O fantasma do D. Sanches.

 

Porto

- O Nuno Espírito Santo.

- O Pinto da Costa não vai para novo e o Casillas não vai com ele.

- O Chidozie ainda lá anda.

- O Boly tem nome de caniche.

- O Brahimi vai passar a época toda a provar que não é daqueles jogadores que passa o jogo à procura da cauda.

- O André Silva é demasiado fofinho para ser um jogador à Porto.

- O Ruben Neves não teve autorização para dormir sem fraldas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 19:11






mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog