Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Com orgulho!

Sábado, 02.10.10

 

"Con codigo de barras", por De Angel

 

A asfixia, o torniquete à torneira gastadora da vítima do costume - o funcionário público, esse pulha sugador. A imaginação do Governo para a resolução de problemas bicudos nunca foi muito famosa, mas podia de quando em vez disfarçar e fugir à costumeira solução injusta e facilitista. Sim, sou funcionário público e com orgulho. Por razões várias conheço bem a gigantesca máquina por dentro, os vícios e os desperdícios entranhados. Há muito por onde poupar, muito boa gestão por implementar, muitos contratos irreais por rasgar, muito outsourcing por eliminar, muita duplicação de funções por resolver, muito mau gestor por substituir. Mas isso exige análise, trabalho, inteligência, vontade de atacar o verdadeiro cancro. Evidentemente, o corte nos salários dos funcionários públicos faz-se num sopro de desprezo, sem mais delongas e dores de cabeça, mais um decretosito no meio desta imparável proliferação legislativa. Este Governo, como todos os outros, continua a sonhar que a realidade se altera com palavras, artigos, preâmbulos, portarias, despachos, resoluções, o diabo a sete! Os nossos ordenados pesam muito no défice? E o contributo do privado para o PIB, não deveria ser superior? E a miserável produtividade do privado, não deveria envergonhar os trabalhadores do privado? Sou funcionário público, com orgulho!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 13:38


1 comentário

De f. a 04.10.2010 às 14:15

olá. mandei um mail para o endereço q está no perfil, mas como não sei s está activo, deixo tb um comentário. estou a fazer uma reportagem para o dn e queria mto falar consigo. é possível? o meu mail é cancio.fernanda@gmail.com. obrigada

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

pesquisar

Pesquisar no Blog