Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Se podes olhar vê - Talvez seja melhor assim

Terça-feira, 04.12.12

 

 

Olhamos para esta imagem, para milhares de imagens similares e vemos o nosso presente e futuro, resignamo-nos a estes tons metálicos da chamada modernidade. Olhamos para o matagal de cimento, para o alcatrão dominador, para os cubículos espelhados que nos albergam as vidinhas e vemos-nos – somos “aquilo”, vivemos sobre aquilo, encaixamo-nos naquilo. Devíamos ver algo mais? Talvez. Talvez ver que as ruas estão praticamente desertas, que as crianças que outrora brincavam ao ar livre desapareceram, que o barulho das suas gargalhadas é agora o das buzinadelas estridentes, que o cheiro a relva molhada deu lugar ao napalm produzido pelos poderosos tubos de escape que veneramos. Talvez ver que o caminho que seguimos nos afasta daquilo que realmente somos, que o mundo que nos viu crescer já não nos verá morrer. Talvez ver que os nossos filhos dificilmente nos ouvirão se desconhecem o que vivemos. Talvez seja melhor assim – se os miúdos perceberem do que os privámos dificilmente nos perdoarão. Talvez seja melhor assim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 17:56


7 comentários

De Teresa Faria a 04.12.2012 às 21:28

"Talvez ver que o caminho que seguimos nos afasta daquilo que realmente somos" - é mesmo isso que temos de ver todos com urgência.
Não te preocupes com o perdão das crianças de hoje António, porque elas nascem a saber muito melhor quem SOMOS do que nós alguma vez soubemos. Elas vêm ensinar-nos justamente isso. E na sua pureza não cabe o perdão, apenas porque não há lugar a julgamento. Somos nós que temos de nos conseguir perdoar...

De bolaseletras a 04.12.2012 às 22:06

É urgente ver para onde nos estamos a conduzir, Teresa, sem dúvida. Para isso há que ver, ver realmente. Quanto à pureza das crianças essa é intocável...mas elas vão crescer e procurar respostas nos erros do passado. Que isso pelo menos nos ajude a abrir os olhos.

De Teresa Faria a 04.12.2012 às 22:09

Elas trazem as respostas com elas.
Teorias "daquelas". ;-)

De Teresa a 04.12.2012 às 22:56

Eu logo vi que o homem não andava bem... aí está a Bar Rafaeli a dar uma ajuda mostrando como se pode viver (e bem) em tempos de crise e com menos... aham...roupinha:

www.dailymail.co.uk/tvshowbiz/article-2242343/Israeli-supermodel-Bar-Refaeli-posts-topless-swimming-picture-Twitter.html

E o homem vai e publica uma moça - claramente de altíssima manutenção - a passear num qualquer deserto de mala e cuia e tapadinha do tornozelo até aos queixos mais sombrinha para não esquentar demasiado .

Agora a achar que os miúdos não nos perdoarão... Olha, ainda bem. Quer dizer que tentarão inverter, reinventar o futuro de maneira a dar diferente aos deles... que isto de tudo muita paradisíaco tira-lhes a vontade de lutar. Mas sim perdoam-nos. Tudo. É o Milagre. De e do Amor!


"You don't really understand human nature unless you know why a child on a merry-go-round will wave at his parents every time around - and why his parents will always wave back."

De bolaseletras a 05.12.2012 às 10:06

Teresa,

Estava apenas a tentar passar uma imagem de gajo sensível, que dá importância a outros pormenores nas mulheres que não só os que a Bar Refaeli tão bem apregoa (já vi que a ti não te engano, já me lês há muito;-).

Eu acho que os miúdos nos perdoarão, mas isso enquanto forem miúdos...depois, já crescidinhos e fartos de procurar pelas maravilhas que lêm nos livros de história, são capazes de nos castigar um bocadito...e se calhar com alguma razão...

De Teresa a 05.12.2012 às 10:18

E depois?

Com todo o stress e trabalho já não percebes muito bem ahahahah

MAS, Olha que não. Porque tu envelheces e eles também. Agora é que é difícil explicar porque não fazes o Sporting ganhar e porque não podemos ir de férias à Disney este Verão.

Cá estaremos para confirmar a MINHA teoria ... agora não me comeces a estragar os miúdos com matrafonas

De bolaseletras a 05.12.2012 às 10:52

ehehehehehe, ok, vou acabar com a matrafonice;).

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog