Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



38 dele

Sexta-feira, 11.01.13

 

 

Trinta e oito aninhos. Já contribuí com dois filhos para a salvação da humanidade, já plantei umas árvores por terras do Bombarral (mais concretamente pelo Sobral do Parelhão, em terras de dois bons amigos vermelhuscos), já escrevi muito, demasiado, por aqui e por outros lados, pelo que arrisco dizer que não tendo publicado nenhum livro já cumpri parte da missão, se tivermos em atenção o espírito da coisa. Entretanto, fazendo um mini balanço do que se tem passado nestes últimos 38 anos no nosso cantinho à beira mar plantado, diria que tivemos tudo para em 38 aninhos termos construído um país moderno, sustentavelmente desenvolvido, de gentes educadas e instruídas, de jovens com horizontes cristalinos, de crianças com um futuro digno pela frente, de velhotes amparados e respeitados. Lamentavelmente, a maior parte de nós nada disso fez e, mais preocupante, os nossos governantes fizeram exactamente o contrário disso. Esbanjámos, vivemos o imediato, investimos em luxos, bens e atividades não reprodutivas, construímos sem parar rotundas e estradas quando devíamos ter erigido pontes para o futuro (e não, não falo na maior ponte da Europa onde se celebrou a maior feijoada de sempre). Acredito que ainda vamos a tempo de inverter o caminho. Não pelo recurso a relatórios de tecnocratas que se estão a marimbar para nós, mas recorrendo às nossas meninges, às capacidades que fizeram de nós donos do mundo (mesmo que há mais de 500 anos, os genes ainda por cá devem andar). Só não sei se mais 38 anos vão ser suficientes.

 

Deixando as desgraças da pátria, diria que ao fim de 13.870 dias de vida (sim, dei-me ao trabalho de fazer a conta, que não estará exactamente correcta por não descontar os dias em que não me levantei da cama ou em que o meu Sporting me fez sofrer como um cão – eliminação no último minuto com o Barcelona, golo do Roberto sem pescoço; eliminação nos penalties com o Nápoles; 6-3 com os vemelhuscos em Alvalade, ao vivo e a frio; final da taça UEFA perdida em casa, ao vivo e a frio; etc, etc, etc.), bom, dizia, ao fim de 332.880 horas geralmente bem passadas, o balanço é positivo. Tenho uma belíssima família que tem como principal característica a destacar o facto de me aturar (dois filhos lindos e maravilhosos como nunca pensei possível ajudar a produzir – a estes aturo-os eu e com gosto), tenho amigos fantásticos que me fazem rir, me insultam, me enrolam em tapetes ou fecham em carros, me enchem de abraços, que brindam comigo, que partilham a vida comigo, que me dão a honra de ser meus amigos. Tenho trabalho, não principescamente pago mas também não miseravelmente, que me permite fazer coisas interessantes e outras chatas à brava. Tenho o Sporting, apesar de tudo. Tenho um blog que me permite deitar cá para fora gritos de raiva, pedradas de criatividade que os dias cinzentos amordaçam, despejar palavras que limpam a alma e afagam o ego. E é isto, meus amigos, olhemos sempre para o que temos e não para o que queríamos ter. Vão ver que a vida pesa menos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:02


8 comentários

De Teresa a 11.01.2013 às 11:31

Desculpa!
Mas contaste os 9 mesinhos "lá" dentro? É que se vais contar com embrulhos de tapete e fechos dentro de carros não podes descurar esses dias onde já se construía um Ser Humano Ímpar!

Abraço e um Mui Feliz Aniversário! (mais logo volto com uma bimba gira que cante mal mas com outros atributos para cantar os Parabéns a Você!!!)

De bolaseletras a 12.01.2013 às 14:49

Obrigado Teresa. Não contei os 9 meses, não me ponhas mais dias em cima, please;).

De Pedro Nogueira a 11.01.2013 às 14:15

38?
Também já tive :)
Grande abraço e votos de um Feliz Aniversário.

De bolaseletras a 12.01.2013 às 14:50

Obrigado Pedro. Grande abraço;).

De Carlos Azevedo a 13.01.2013 às 20:07

Com pelo menos um dia de atraso, muitos parabéns, António!
Um abraço,
Carlos

P.S. - Colheita boa, mas mesmo muito boa, é a do ano a seguir ao teu! ;-)

De bolaseletras a 15.01.2013 às 09:37

Obrigado Carlos, digamos que serão duas excelentes colheitas;).

Grande abraço

De Carlos Azevedo a 15.01.2013 às 20:11

Sim, claro, não quis ser indelicado. Abraço.

De Anónimo a 15.01.2013 às 20:54

Nunca pensei isso, Carlos, não é da tua natureza. Abraço

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog