Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Benfica 2 - Sporting 0

Domingo, 21.04.13

 

 

Não sou tipo para bater no peito e louvar vitórias morais. Mas tenho olhos na cara para ter visto o melhor Sporting da época que hoje foi melhor que um Benfica tremendamente ansioso e acabrunhado. Apetecia-me muito mais falar dos pés de veludo e da inteligência de André Martins, da promessa Bruma que é já uma certeza, da classe e maturidade acelerada que Ilori vai apresentando. Mas tenho que falar de um jogo que começou com dois penalties claros escamoteados ao Sporting, tudo sob o véu de um critério largo que jornalistas desportivos e comentadores foram arrotando até agora. Provavelmente o Benfica não precisaria dessa vergonha, mas isso não seria a mesma coisa. Mais? Como disse o João Quadros pelo Twitter, para que o Maxi fosse hoje expulso só se rebentasse com uma panela de pressão cheia de pregos no meio do campo e, acrescento eu, nas barbas do árbitro. Esses erros foram premeditados? Não, mas é bem mais confortável para os árbitros evitarem contrariar 6 milhões de benfiquistas e muitos poderes instalados do que aplicar as leis de jogo com seriedade. Não fica vitória moral nenhuma, mas fica o orgulho e superioridade moral de terem estado apenas 6 jogadores portugueses em campo e todos eles equiparem de verde. Obrigado por terem dado tudo, rapazes!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:40


11 comentários

De Zé da Fisga a 22.04.2013 às 21:53

Os factos são como se quiserem interpretar. Por exemplo, à minha maneira vejo assim.
O Sporting entrou desvairado como malucos fugidos do hospício, e na verdade isso surpreendeu o Benfica. Ninguém nega.
Só que o tesão, como não podia deixar de ser porque super-homem só na banda desenhada e no cinema, o tesão, dizia, durou meia parte em que o caso mais evidente foi Bruma que estoirou completamente.
O Benfica, e passado o efeito surpresa, foi lá e marcou um golo, como quem diz: tende juízo, meninos.
Depois na segunda parte marcou outro para esclarecer de vez quem é o predador. O resto é cantiga de embalar meninos e desculpa de mau pagador.
Virem dizer que o Sporting foi escamoteado de, -- segundo se diz por aí no reino esverdeado. --vinte e tal penatis é querer dar uma imagem de poderio atacante que, obviamente o Sporting não tem como os golos marcados no campeonato atesta.
Contudo, e em reconhecimento pela ajuda que nos prestaram aquando da recepção ao Clube do Varão Nortenho, façam a vossa parte que nós vamos ajudá-los com o Marítimo e o Estoril.
Porque nós, benfiquistas, somos gente de bem e honrada.
Vale!!!

De Zé da Fisga a 22.04.2013 às 22:03

Ah! falta acrescentar que o Benfica e perante tanta loucura esverdeada em campo, manteve a cabecinha fria e pensou assim:
Vamos deixar estes tolinhos darem o litro e na segunda parte a malta diz-lhe como toca a música. Ora todos viram como executa uma orquestra afinada, isto porque o jogo tem 90 minutos e não 45 e cinco.
E em noventa minutos, caríssímos amigos esverdeados, o Benfica marca sempre.
Vejam bem e depois digam que sou mentiroso. Reparem bem em quantos 90 minutos de que se compõem um jogo, o Benfica não marcou.
Deixem de se armarem nas vítimas coitadinhas e joguem futebol a sério como ontem fizeram.
Mas, reitero. Façam a vossa parte contra o Nacional que a malta oferece-lhe os três pontinho do Marítimo e os três do Estoril. Esses já estão garantidos, mas, porra! Façam também pela vida, que raio!

De bolaseletras a 22.04.2013 às 22:04

2 penaltis indubitáveis, mais um que muitos árbitros marcariam. Factos concretos e que só por desonestidade podem ser interpretados sobre outras perspectivas. A sua conversa adicional é, como disse acima, conversa da treta para distrair papalvos. Guarde-a para os seus amigos vermelhuscos, sff.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog