Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Às mães, a todas mas em especial às minhas!

Domingo, 05.05.13

 

 

Não sou de dar importância aos supostos dias “especiais”, desde o dia dos namorados aos dias dos pais, até passando pelo meu aniversário ou pelo próprio aniversário do velho menino Jesus. Não por embirração ou por querer armar ao diferente, mas essencialmente porque sempre me pareceu que com a celebração esfusiante destes dias muitas vezes se cai na tentação de se esvaziar a importância dos restantes 364 dias para os celebrados. Ainda assim, apetece-me enviar daqui um beijo de interminável agradecimento para as minhas mães por me aturarem há tantos anos (uma há mais que outra, uma por razões diferentes da outra). Falo da mãe que me educou e fez de mim um tipo decente, pouco dado a malfeitorias, com o vício de gostar das pessoas e de procurar não odiar demasiado aquelas de quem não gosto. Falo também da mãe dos meus filhos, que me atura, me ensina o amor e com todo o instinto de uma “natural born mother” faz de mim um pai bem à maneira. Para vocês, mães, um obrigado por existirem, por me teres dado a existência e por me adoçares a mesma.

 

P.s. – O Sporting fica para post scriptum, creio que seria mais grave se essa posição secundária tivesse sido guardada para as mães. Contra a terceira melhor equipa do campeonato uma exibição bem personalizada, mas minada pela habitual falta de eficácia ofensiva e por mais umas coisinhas. A que me refiro? Nada de especial, queria apenas deixar aqui nota de que para a UEFA Pedro Proença é dos melhores árbitros do mundo, o que revela muito sobre o estado de loucura e cegueira global a que chegámos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:09


5 comentários

De Carlos Azevedo a 06.05.2013 às 00:10

Belas palavras. Aposto que ambas estão completamente babadas. :-)

De bolaseletras a 06.05.2013 às 22:34

Obrigado Carlos, vá lá que ando sempre de babete à mão;-).

De Teresa a 06.05.2013 às 11:13

Tenho a certeza que o Prazer, Honra e Privilégio é (também) delas


"The moment a child is born, the mother is also born. She never existed before. The woman existed, but the mother, never. A mother is something absolutely new.* ~Rajneesh"


Eu acrescentaria: AMAzing!!!


São dias simpáticos se puderes, e souberes, celebrar, viver com os tais 364.000 anuais . 364.000 porque há dias que valem por mil. Ao ter um post/dedicatória destes, por exemplo.

Abraço e votos de uma semana Feliz!



P.S. Não há porque celebrar estes dias marcados, de facto. Mas é cada vez mais importante fazê-lo. Marcá-lo. Não falo de começar agora a adoptar tudo o que é americanice, ou maricanice - e não deve ser coincidência que os States festejam tudo e mais um par de botas mas - verdadeiramente??? - nada mas "tirar", "parar" nesse dia para celebrar a Vida e Amor? SIM!

De bolaseletras a 06.05.2013 às 22:36

É verdade, Teresa, mais vale celebrar hoje e não deixar para amanhã;-). Isso de ser um privilégio aturar-me é que já pode ser mais complicado...mas terá as suas coisitas positivas;-).

Abraços para ti e uma semana igualmente feliz!

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

pesquisar

Pesquisar no Blog