Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Fim de semana futebolístico do outro lado da península

Domingo, 18.10.09

 

 

Volto ao futebol, mas desta vez não para falar da lusitana bola. Perdoe-me a festa da Taça que tanto prezo, mas Monsanto, Sertanense e Penafiel não me inspiram a pena. Assisti ao Valência - Barcelona e decidi tentar aprofundar a minha percepção de porque é o Barcelona o actual campeão europeu e, provavelmente, a melhor equipa de futebol da actualidade. Debrucemo-nos sobre a minha inatacável análise LuísFreitasLobística (baseada na 1ª parte do jogo, o que é ainda mais fantástico):

  1. Mesmo sem Ibrahimovic e Henry, o Barça entrou em campo com 6 jogadores muito bons, 4 fantásticos (Xavi, Iniesta, Dani Alves e Touré) e um estratosférico (sim, o Lionel). Por muita táctica de jogo, dinâmica da equipa, etc. e tal, sem ovos não se fazem omoletes. Ah, e se Messi é um fora de série, ainda assim acho que lhe falta uma coisinha que o eleve acima do nosso Ronaldo. Se quando tem a bola nada fica a dever a Cristiano, quando não a tem devia mostrar mais fome para a receber. Eternamente esganado, o nosso Cristiano.

     

     

  2. A simplicidade, acima de tudo. Para dominar o jogo é preciso ter a bola, mas, acima de tudo, é preciso ter alguém a quem a passar. Passe atrás de passe, percorrendo toda a equipa. O Barça utiliza o quadrado, o triângulo e o um para um dinâmico. Se há tempo, o quadrado, se os adversários apertam, o triângulo, se o contra ataque é fulminante, o um para um. Isto é, com o quadrado o jogador que tem a posse de bola tem sempre 3 colegas em posição de a receber, com o triângulo dois, e, no um para um dá para perceber a ideia. A sério, vejam um jogo do Barça olhando não para o tipo que leva a bola mas para o comportamento dos colegas que o acompanham. É uma dança mecanizada mas fascinante na sua simplicidade.

  3. Guardiola. Apesar de me irritar a constante preocupçaão por manter a camisa dentro das calças, impecavelmente impecável, dá para perceber que aquele que no campo era o mestre da geometria, soube, agora treinador, traçar a regra e esquadro um futebol que não pára, que parece nunca parar para respirar, mas que mede cada fôlego gasto pelos jogadores.

     

     

  4. E como em último ficam as primeiras razões, a identidade. Uma equipa deste gabarito entra com um onze inicial com 6 jogadores da cantera: Valdés, Piquet, Puyol, Xavi, Iniesta e Pedro. Percebe-se porque nada ganham na Europa o Chelsea, o Inter, Arsenal e outros que tais. Percebe-se porque a turba leonina deve reconhecer o trabalho feito.

     

    Escrevi os 4 pontos acima ao intervalo do jogo e não vou alterar uma linha no final. Se o Barça ganhar a análise incha orgulhosamente, se perder prova-se que o futebol é uma caixinha de surpresas. Ou que não percebo nada da poda.

     

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:39


4 comentários

De Anónimo a 18.10.2009 às 11:03

O Iniesta e o Pedro não são da cantera do Barcelona. O primeiro é de Albacete e o segundo das ilhas Canárias.

De bolaseletras a 18.10.2009 às 11:49

Obrigado anónimo. São espanhóis e lançados na sua juventude pelo Barcelona. Não me interessam perfeccionismos técnicos, interessam-me reflexões mais ao menos coerentes, apesar dessas imprecisões que os Luís Freitas Lobos nunca deixarão escapar. De qualquer modo, obrigado pela correcção (que não confirmei mas em que confio), que me parede não prejudicar a reflexão em causa.

De Anónimo a 19.10.2009 às 09:21

3-0 ???
tiraram a barriga da miséria...
e mesmo assim...
precisaram de um empurrãozito...
ah ganda sbordem
ah ganda paulo bento!...
ou em linguagem india:
"aquele que só deita na cama que faz!"

De Anónimo a 19.10.2009 às 09:23

Efectivamente acaba por ter alguma razão.
Iniesta, Andrés Iniesta Luján, natural de Fuentealbilla, onde nasceu em 1984, jogou no Albacete até aos 12 anos, idade com que foi jogar para o Barcelona, depois de ser "descoberto" num torneio de verão, em Setembro de 1996.
Pedrito, ou Pedro Rodríguez Ledesma, é natural de Santa Cruz de Tenerife, onde nasceu em 1987. Chegou ao Barcelona em 2004, tendo dado o salto definitivo esta época da equipa B para a principal. O seu anterior clube era o CD San Isidro, que recebeu 300 mil euros pela sua contratação, pagos apenas este ano.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog