Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



ÁFRICA DO SUL, CÁ VAMOS NÓS!!!

Quarta-feira, 18.11.09

 

 

Epá, ganda jogatana da rapaziada! Isto hoje correu às mil maravilhas! Não há que apontar o dedo a nenhum jogador, hoje os rapazes interiorizaram a responsabilidade e soltaram toda a sua classe e vontade de vencer. Deu gosto ver aquele carrocel enleante, a convicção na afirmação de um futebol estilizado, sem esquecer o chutão quando teve de ser. Destaques? O enorme Raul Meireles, o guerreiro Bruno Alves, o incansável Pepe.

 

Evidentemente, o futebol não é tudo na vida. Ainda assim, as rotinas do nosso quotidiano, os aborrecimentos que nos alimentam as rugas, merecem ser recompensados pela bela arte em movimento, pela excitação de torcermos pelos nossos. Hoje estava em causa uma guerra. Todo o ambiente criado pelos bósnios à volta deste jogo foi no sentido de apelar ao espírito bélico da equipa, dos adeptos, da nação. A resposta dos dirigentes da federação portuguesa e dos jogadores foi impecável: tudo bem, nada de especial, viemos aqui para jogar à bola, coisa que se faz dentro de campo, e, sobretudo, viemos ganhar com as nossas armas - as inegáveis qualidades futebolísticas da nossa selecção.

 

 

Além da classe dos nossos jogadores, mostrámos também uma garra muito interessante, sempre temperada pela frieza de quem se sabe superior. Como esperava, o centro da defesa destacou-se pela positiva. Pepe, em frente aos dois centrais, foi omnipresente, sempre antecipando as jogadas, sempre cheirando por onde andava o perigo. Ricardo Carvalho recorreu constantemente à sua instintiva inteligência, Bruno Alves usou e abusou do que falta a esta selecção: força e imposição do físico. Duda fez a melhor exibição ao serviço de Portugal, exibiu um pé esquerdo certeiro no passe e ágil no corte. Paulo Ferreira fez cortes nos limites que evitaram males maiores.

 

 

No meio campo Raul Meireles fez tudo bem, parecia enfeitiçado com tanta magia nos pés. Tiago soube equilibrar, bem à italiana, toda a zona central e a ligação defesa-meio campo. Mais à frente, Simão foi incansável, embora nem sempre consequente nas suas acções. Nani gingou sem parar, enervou os bósnios e esteve no passe decisivo para o golo de Meireles. Liedson foi a carraça do costume, só foi pena não ter tido oportunidade para marcar. Por fim, Eduardo. Se calhar andamos todos enganados, se calhar este homem, no seu jeito simpático e de louco, transmite à equipa mais confiança do que julgamos. Esperemos que sim.

 

Por fim, Queiroz. Critique-se o que se quiser, o que é certo é que o homem sempre acreditou. Começou mal, melhorou, e, até ao jogo de hoje, foi sempre a crescer. Corrijo o que disse há uns dias e arrisco: com Cristiano Ronaldo, com esta defesa e com a confiança instalada em todos os jogadores como hoje, podemos erguer o caneco na África do Sul! Força rapazes!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:08


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

pesquisar

Pesquisar no Blog