Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A violência e o escárnio (pérola 3) - O mistério

Segunda-feira, 21.12.09

 

 

"- Na tua opinião, o que é que importa num homem?

 - A plenitude maravilhosa que eu sinto ao estar com ele, e isso nas coisas mais fúteis da existência. O sopro de alegria que ele me transmite. É assim que uma pessoa pode reconhecer a riqueza do amor que um homem encerra."

 

O que é que elas vêem de tão único em nós para as levar a escolher-nos? Que fatal atracção nos aproximou delas? Percorremos parte da vida sozinhos ou em matilha, desejando, no nosso dissimulado inconsciente, que a tal metade da laranja surja e nos complete. É como que um apelo do âmago de cada ser humano, um grito do mais fundo da nossa condição humana. Quem escolher? Que qualidades mais prezar? Que espúrios defeitos evitar? Não há respostas satisfatórias, não há teorias das razões do amor que não sejam falíveis. O mistério permanece insolúvel.

 

Em qualquer esquina pode estar a tal. O mais descontraído olhar pode queimar as pálpebras no segundo seguinte ao cruzar das retinas. Uma embirração bem humorada  pode facilmente passar a paixão assolapada. Percorremos esta vida sob a sombra das setas do cupido. A razão porque nos atingem no exacto milésimo de segundo em que trespassaram o coração da nossa amada mantém-se o eterno mistério, o mistério da vida. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:35





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog