Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O Braga de parabéns e o André nas bocas do mundo

Segunda-feira, 23.05.16

  

braga.jpg

 

O Braga mereceu levar a Taça de Portugal para a cidade dos arcebispos porque jogou melhor, porque soube manter a fé e a coragem depois de ter recebido dois golpes do destino que indiciavam que a derrota do ano passado se iria repetir. Saber contrariar as ironias do destino é uma qualidade que cai bem aos vencedores. Mais que tudo, o Braga merece este troféu porque há alguns anos que busca com sucesso a sua afirmação como grande e estável equipa do futebol nacional, coisa que como sabemos não é fácil fazer, num mundinho onde imperam invariavelmente os 3 grandes de sempre.

 

braga2.jpg

 

Este jogo teve também a curiosidade de recuperar muita da parolice e do maldizer lusitano no que respeita à sua relação com a seleção nacional. Eu próprio, depois de ver o fantástico segundo golo de André Silva no jogo, com um pontapé de bicicleta VanBasteano, me perguntei se Fernando Santos poderia, com argumentos sobejamente justificados perante tal momento de génio do jovem dragão, revogar com efeitos retroactivos e definitivos a convocatória de Éder para a selecção em troca do miúdo André. Pensei nisto não pensando que antes desse momento o talentoso rapaz nada provara para além do seu enorme potencial, nada mostrara (para além dos golos na equipa B do Dragão) que justificassem essa aposta corajosa mas arriscada, sobretudo quando falamos de um jogador sem qualquer tipo de rotinas na equipa principal das quinas. A ponderação é já uma qualidade rara nas cabecinhas dos pensadores lusitanos, mas a coisa piora a olhos vistos quando da nossa selecção se trata. Gostei muito do futebol (não só do golo) do André, mas há que haver calma, senhores. Por outro lado, poderá haver quem diga que quem não arrisca não petisca. Eu, percebendo à distância as opções de Fernando Santos, em nome da estabilidade do grupo e da lógica das coisas, poucas dúvidas tenho que, sobretudo depois deste jogo, poucos deixariam de louvar o nosso Engenheiro das quinas se este tivesse ousado sem olhar para o lado. Ainda olhando por outro ângulo, será que ao levar Éder à selecção, um ponta de lança com um registo de prestações e de golos com a camisola das quinas muito perto do nulo, será que essa não pode ser também considerada uma opção ousada de Fernando Santos? Será que essa confiança depositada no jogador não poderá abaná-lo, convidá-lo à superação? Esperança, portugueses, esperança!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:07

Albânia 0 - Portugal 1

Segunda-feira, 07.09.15

IMG_20150907_215613.jpg

O mais fácil é pegar numa exibição esforçada mas pouco inspirada, falar de um Eliseu medíocre, de um Miguel Veloso inconstante e trapalhão (apesar do golo), de um Danny que continua a não funcionar na selecção, da falta de solução crónica para o posto de ponta de lança e criticar Fernando Santos. É fácil mas estúpido. Porque alternativas não há muitas, porque são "só" 5 vitórias em 5 jogos do apuramento, porque há Bernardo Silva, Danilo, João Mário (embora não perceba a sua ausência hoje) e o regresso de eternamente brilhante Ricardo Carvalho. Uma selecção não se critica enquanto joga, apoia-se, aprendam isso de vez! Critiquem antes ou depois, mas durante os 90 minutos vibrem, sofram, dêem tudo por ela, porra! Força Portugal!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:09

Portugal 1 - Itália 0

Quarta-feira, 17.06.15

 z_p3.jpg

Já com as férias no pensamento os nossos rapazes decidiram que era dia para serem mais eficazes, mais imbuídos de vontade e tacticamente mais inteligentes do que a Vecchia Signora. Dizer que a equipa rende mais sem Cristiano Ronaldo é idiota, mas não me choca aceitar que a equipa sinta que sem a sua estrela tem que dar mais de si para conseguir vitórias. Por outro lado, algum desequilíbrio táctico que possa resultar na pouca dedicação defensiva de Ronaldo deixa de se notar quando ele está ausente. Como muito bem sintetizou Fernando Santos, uma equipa que tenha CR7 será sempre Ronaldodependente, mas ontem a selecção compensou a sua ausência sendo muito equipa. Para resumir o que foi o jogo, e porque está calor e estamos a chegar à silly season, deixo algumas pérolas que fui plantando e lendo por terras do twitter, esse campo fértil de idiotices contagiantes:

- “Os McCann devem estar a usar este Portugal-Itália para adormecer os filhos que sobraram para poderem ir jantar à vontade.”

“Quem é este cigano cheio de tatuagens e o que é que fizeram ao nosso Quaresma?”

“«É um golaço de Éder». As últimas palavras antes da chegada do Apocalipse.”

“Tirei os olhos da minha imperial 2 segundos e pumba. Meteram-me ácidos e vi o Éder marcar um golaço.”

“Quem é este novo Eusébio e o que é que fizeram ao nosso Ederzito?”

“A confiança com que o Éder está, espero que lhe receitem calmantes ou é gajo para anexar a Áustria sozinho esta noite.”

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 11:03

Portugal 2 - Sérvia 1

Domingo, 29.03.15

IMG_20150329_215708.jpg

Neste preciso momento estão duas mãos cheias de especialistas da bola a perorar sobre o que Fernando Santos devia ter feito e não fez. Discorrerão sobre a desgraça Eliseu, sobre a veterania de outros e a aparente falta de renovação da selecção (Tiago, Bosingwa e Carvalho), criticarão mais uma exibição descolorida de Danny na selecção, a posição de CR7 em campo, a ausência de um ponta de lança no 11 e o diabo a 7. Sou até tipo para concordar com boa parte do que acima enumerei, mas como estou também farto de vitórias morais apetece-me dizer que Fernando Santos está de parabéns pelo resultado alcançado e, consequentemente, pelos jogadores e pela estratégia escolhida. Os restantes parabéns vão para metade da equipa no jogo de hoje - sim, são para ti João Duracell Moutinho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:02

Sobre a seleccção e sobre como lidar com vedetas ingratas

Quarta-feira, 19.11.14

nani.jpg

Depois da exibição de ontem da nossa selecção da bola que rola no relvado apetecia-me escrever muita coisa. Como não tenho tempo e porque já tanta gente escreveu tanta genialidade e patetice sobre o tema, vou resumir as ideias fortes:

- Ontem, mais ainda que contra a Arménia, não tivemos fio de jogo, não acertámos três passes seguidos, tivemos muita sorte e excelentes centrais que evitaram o descalabro.

- Olhando para este futebol diria que o Paulo Bento foi, mais uma vez, um génio incompreendido.

- Se é para jogar mal e porcamente e ganhar jogos por 1-0, a la Grécia, digam desde logo que tenho muitas séries televisivas em atraso para pôr em dia. 

Por último, quanto ao caso Nani que decidiu “largar” a bombinha que isso de sair “não dizia que não, vamos ver” tenho a seguinte reflexão a partilhar com o universo em geral e a turba leonina em particular. Como o Sr. Nani saberá, no dia em que saiu do Manchester ninguém estava a dar meio chavo por ele. Aqui, na nossa casa, integrado numa equipa e estrutura técnica que o valorizaram, motivaram e souberam potenciar as suas faculdades, mostrou que é ainda um excelente jogador, tendo atingido um belíssimo momento de forma. Se lhe apetece cuspir no prato de quem lhe deu a sopa a comer, se é ingrato, se acha que o Sporting planeou toda uma época contando com ele como peça fundamental e que agora vai abdicar disso, tire desde logo o cavalinho da chuva, Sr. Nani. Por mim, se ele quiser forçar a saída ou se fizer birra nesse sentido, fica o resto da temporada sentado na bancada a contar os pingos de chuva. Pode ser que depois regresse a Manchester no mesmo estado em que veio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:14

Fernando Santos

Sábado, 15.11.14

 santps.jpg

 

Esperei ter tempo, paciência e também por algum trabalho já apresentado, para me pronunciar sobre a escolha, os méritos ou os deméritos do novel seleccionador Fernando Santos. Quanto à escolha, digamos que a FPF apostou no politicamente correcto e na certeza ao invés do risco. Fernando Santos tem mais apoiantes que detractores no universo dos 3 grandes, pois treinou os 3, o que evita à partida obstáculos intransponíveis na sempre difícil gestão dos engulhos com os principais clubes lusos. Fernando não é um treinador particularmente entusiasmante no futebol que coloca as suas equipas a praticar, mas garante equipas coesas, defensivamente preparadas e tacticamente competentes. Pessoalmente, gosto do Fernando. É calmo e discreto, sem deixar de ter aquele ar de tipo porreiro que deve ser um bonacheirão à volta de uma mesa com boa comida, melhor bebida e fantásticos amigos. Gosta de jogar à sueca e de sorver o cigarro até à beata, pelo que não é certamente um mau exemplar do espécime lusitano.

E o que se tem visto do mister Fernando até aqui e, em particular, no jogo de ontem? Digamos que toda a gente esperava pela renovação de uma selecção longe dos seus melhores tempos, pelo que se Fernando Santos chamou algumas jovens novidades (Cédric, Rafael Guerreiro, André Gomes) não deixou também de o fazer amparado em alguns veteranos que com Paulo Bento tinham desertado ou sido afastados da selecção. Falo de Ricardo Carvalho, de Tiago, de Bosingwa e de Quaresma. Concordo com isto? Apenas em 25% dos 4 casos. Ricardo Carvalho, por mais que o adore e o considere o central mais elegante à face da terra, cometeu um erro grosseiro quando pensou que os seus interesses pessoais estavam acima da selecção. Não é novo, longe disso, pelo que a sua exclusão deveria ter servido de exemplo para os outros. Tiago quis abandonar a selecção quando não era titular, arrependeu-se no momento em que percebeu que podia ser útil – quanto a estes casos nunca perceberei nem aceitarei a opção de um jogador em não querer representar o seu país. Bosingwa desrespeitou um seleccionador em funções, isso devia ter sido suficiente…Quaresma, ao contrário dos restantes, nunca mostrou que fosse aquela maçã podre de que tanta gente falava, sentado no banco ou dentro das 4 linhas. Tem sido a muleta que faltava a Cristiano Ronaldo sempre que sai do banco, o que diz muito da dedicação do homem à causa. Porque é que Fernando Santos falhou 3 em 4? Muitos acharão que não falhou, que é legítima a sua opção de recuperar os 3 veteranos retornados. Sem dúvida que tem legitimidade para essa escolha, pelo simples facto que foi ele o escolhido para decidir. Não concordo mas não deixo de apoiar o mister Fernando e os 3 jogadores que referi. A selecção acima de tudo, força rapazes!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:25

Dinamarca 0 - Portugal 1

Terça-feira, 14.10.14

 

sub2.gif

A minha paixão pelo futebol deve muito aos sentimentos contraditórios que o mesmo me inspira. Ver o Mustang ressuscitar das cinzas para fazer brilhar ao mais alto nível, uma vez mais, the one and only Cristiano Ronaldo traz-me à memória os tempos em que o mister Laslo Boloni carinhosamente apelidava o jovem Quaresma de “o meu Mustang”. Sorrio com essas memórias, o sorriso esmorece pelo facto de nos últimos anos me causar algum incómodo o facto de Quaresma parecer ter esquecido que tudo o que é hoje e que, sobretudo já foi, o deve em enorme quota-parte ao Sporting. Ver Ricardo Carvalho exibir-se a grande nível já bem entrado nos 30´s recorda-nos a todos que este é, com poucas dúvidas, o central mais elegante e “classudo” que já envergou a camisola das quinas. Por outro lado, não sendo adepto das penas perpétuas, dificilmente aceito esta decisão de trazer de volta ao seio da selecção alguém que tão gravemente desrespeitou o que deve ser o espírito de uma equipa nacional. Adoro o jogador Ricardo carvalho, aceito que não deve ser eternamente punido por um erro mas sou da opinião que há valores que devem estar acima de todas as circunstâncias práticas que ditaram o regresso de Ricardo Carvalho. Por fim, emocionou-me ver na baliza da Dinamarca Casper Schmeichel, que há uns bons anos treinava ao lado do pai, o grande Peter, nos relvados de Alvalade. Há quem diga que o filho treinava mais que o pai, mas o bom do Peter não estava lá para treinar, estava lá apenas para ganhar. Parabéns rapazes, parabéns pela entrada com o pé direito, Senhor Engenheiro, que a fortuna que teve hoje o acompanhe por muitos e bons anos!

p.s. – A fotografia que encima o post é a minha homenagem aos nossos jovens heróis, que têm tudo para ser os nossos heróis do futuro. Parabéns aos rapazes dos sub-21 que conduziram o país à fase final do campeonato da Europa, parabéns ao grande Rui Jorge, um excelente homem com grande futuro como treinador. Olho nele e olho neles!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 22:19





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

pesquisar

Pesquisar no Blog