Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Amor cão

Quinta-feira, 06.09.18

  

Michael Carlebach, South Beach Pier, California, 1

 Michael Carlebach, South Beach Pier, California, 1977

 

Não sei se o cão é o melhor amigo do homem e da mulher, só sei que das frases e reflexões (será isto merecedor desta classificação?) que mais me irritam são aquelas que têm por base a ideia de que o conhecimento aprofundado que se vai tendo dos homens conduz determinada pessoa a um crescente amor aos canídeos, em detrimento dos seus semelhantes. Eu, que tive um cão durante boa parte da infância, toda a adolescência e a maior fatia da juventude, que o sentia e tratava como parte da família, nunca esqueci, mesmo nessas tenras e néscias fases de desenvolvimento, que o meu terno e diabólico Snoopy não era comparável aos meus pares da condição humana. O Snoopy era irresistível, mas era um cão. Não desrespeito ou considero menos quem coloca o amigo de quatro patas no altar dos seus afectos, tenho apenas pena que boa parte dessas pessoas não entenda que essa devoção é uma forma de desistência, de reconhecimento da sua incapacidade de se dar aos outros, de os entender em todas as suas contradições tão humanas, de não conseguir deixar de por a ênfase nos defeitos de outrem sem olhar, preferencial e dedicadamente, a tudo o que faz com que os cães nos idolatrem.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 16:32


2 comentários

De Teresa a 10.09.2018 às 10:53

De quando em vez voltas a este peeve e eu acho que estás a ser... tu... não o outro.
O amor não se explica, sente-se. Como não se explica a intolerância, o que nos irrita, o que nos fascina, o que nos atrai... há quem não entenda que os pais se deixem fazer gato sapato por filhos... ou filhos pelos pais...

Queremos sempre, talvez, dotar os outros daquilo que achamos que é uma mais valia em nós.

Mas como li num graffitti nesta nossa Lisboa há uns dias: "Nenhum de nós é o outro.".

Haverá muitos casos em que é mesmo melhor que achem que não dão para mais do que cuidar de um lulu ou de um tareco (tenho vizinhos com filhos que, ao ver e ouvir o que se passa, penso "se for para o Hospital não posso deixar os meus cães com este" .

Depois há aquelas pessoas que são incapazes - por uma razão ou outra - de receberem mais das suas gentes e têm nos pets a salvação que lhes garante a estadia neste mundo.

Assim sendo sim gosto mais dos meus cães do que de grande parte dos meus colegas de trabalho, até de alguns familiares a quem vejo (e tolero) nos casamentos (quando os havia ) e sinto-me bastante completa com eles.

O meu cão mais velho morreu há dois anos e já há muito que não me lembrava de sofrer tanto e tão desgarradoramente. Esse cão todos os dias volta a temas da nossa vida como família. Mais do que um Avô. Porque esteve sempre presente (18 anos). A dar tudo o que era. E como tal compartilhou o crescimento e vida dos meus filhos e eles o dele; do primeiro momento até à morte, passando por uma demência atroz que lhes pregava sustos de morte quando voltavam do cinema (filme de terror) e tinham o cão sentado no meio de uma sala escura a olhar para uma parede, como se estivesse ali "algo" . Demência essa que, Graças a Deus, ninguém ainda tinha. Quando os primeiros sinais começaram a aparecer na Avó qual foi o exemplo que usaram para não se "passarem"? O Flucky.

Desculpa António mas não tenho a tua visão dos pets.

Se as pessoas quiserem/precisarem/deixarem os animais de estimação podem ser bastante. Até tudo. Cada um sabe de si e o Amor é AINDA algo pessoal e intransmissível. Qualquer tipo de amor. Podes achar errado. Sim, se-lo-á para ti mas não é, não poderá ser para o outro... porque ao final do dia quando já tudo for comentado nos blogs e notícias e só o tic-tac do relógio de cuco que herdou da Tia de quem já nem se lembra soa pelas assoalhadas vazias e frias é bom saber que no sofá está o lulu ou o tareco que muito provavelmente o acompanhará para a cama. No dia seguinte terá de se levantar para ir com ele à rua. O jovem, que veio da farra e ainda vai ter de ir passear o cão e depois cai vestido na cama sem por o despertador porque sabe que quando for A hora o Boris lhe salta para cima, teve um dia em cheio (onde filhos não têm lugar e os amigos ficaram "lá fora")...


Dito isso:

In order to keep a true perspective of one's importance, everyone should have a dog that will worship him and a cat that will ignore him. ~Dereke Bruce

Uma boa semana e que não seja uma de cão

De bolaseletras a 11.09.2018 às 15:36

Teresa,

Nada mais tenho a dizer para além de agradecer a tua partilha de novas formas de ver. É impossível evoluirmos sem reflectir sobre outras "verdades", sem olhar para o mundo de outros ângulos. Thank you for that!

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

pesquisar

Pesquisar no Blog