Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Café da manhã - a importância de 1%

Quinta-feira, 22.12.16

  

z_importancia do café.png

 

Arrisco-me a banalizar o tema do café aqui por esta humilde tasca. No entanto, todavia, contudo (já valeu a pena ter um blog para poder escrever esta sequência idiota de palavras) conviria que quem bebe café pudesse perceber que aqueles 30 segundos, o tempo despendido no nobre acto de bebericar o negro líquido demasiado quente, pode constituir o único momento do dia em que, embalados pelo shot de adrenalina da cafeína, nos olhamos ao espelho do dia que vai começar e, mesmo que por um segundo, mesmo que por uma fracção minúscula do tempo em que parimos esta nossa existência, podemos ter um relance de quem verdadeiramente somos. Em 99% das vezes que somos bafejados por esse relâmpago de clarividência não teremos a sabedoria ou a capacidade para apreender o significado dessa revelação. O que interessa é o 1%, o que realmente interessa é estarmos preparados para abrir os olhos no momento preciso em que a revelação se faz. Mantenham-se atentos, vai valer a pena.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:50


2 comentários

De mami a 26.12.2016 às 11:04

não sei se me apetece, neste momento, esse momento de clarividência ;)

De simplesmente... a 27.12.2016 às 18:15



O cafezinho da manhã é um momento quase sagrado.
É a minha missa diária.
É o meu ritual preferido.
É o apogeu da extrema simplicidade.
É a maravilha das coisas mais simples.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

pesquisar

Pesquisar no Blog