Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Diz que a Sara Sampaio também andou por Capri

Terça-feira, 17.09.19

 

sara.jpg

Vivemos tempos em que o politicamente correcto impera. Uma das manifestações destes ventos de pureza e de comportamentos polidos e sem mácula percebe-se no extremo cuidado que deve ser colocado em tudo o que respeita ao belo sexo - o feminino. Piropos são conversa do diabo, abrir a porta para deixar passar a colega ou a vizinha é uma inadmissível demonstração da superioridade do macho ibérico, o bom e velho flirt é meio caminho andado para um processo por assédio. Assumo-me como um velho e clássico cavalheiro, daqueles que abrem a porta para dar passagem e coisas ainda bem mais ancestrais, como o não me sentar antes das donzelas. Este comportamento cavalheiresco não me impede de apreciar a beleza das mulheres, seja ela espiritual ou física. Idolatro mulheres inteligentes e com sentido de humor, da mesma forma que aprecio muito um belo palminho de cara ou um corpo de perigosíssimas curvas. Nada disso me fez alguma vez desrespeitar as mulheres, antes pelo contrário. E é isto, para o mal e para o bem, sem questões nem questiúnculas. Um bem-haja a todas e a todos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 12:00


5 comentários

De Pedro Nogueira a 17.09.2019 às 14:25

Também vou tentando manter esses comportamentos, ditos de cavalheiro, mas apenas por teimosia. Umas nem percebem, outras, se preciso for, ainda gozam. O problema também pode estar em mim e, às tantas, ando a escolher mal as companhias :)
Abraço e SL - enquanto aquilo ainda existe - ;)

De bolaseletras a 17.09.2019 às 15:52

O problema é que nem sempre escolhemos as companhias, são elas que nos escolhem…;-).
Abraço e SL, acreditando ingenuamente que eternamente nos regeneraremos, apesar de tudo e de todos...

De Teresa a 19.09.2019 às 14:45

É uma tragédia. A sério... no outro dia li que a simpatia - o sorrir, dizer bom dia, fazer conversa tornou-se perigosa porque pode ser confundida com flirt e levar a avanços não desejados e perigosos.

Despem-nos - calma António que não estou a falar das tuas chicas - de tudo; das maneiras, da boa educação, da afabilidade gratuita... até não restar mais nada...

Esquisito!

E despem-nos (tentam!) acima de tudo da capacidade de pensarmos e agirmos por nós. Deve ser gentinha mesmo muito poucochinha para achar que eu preciso que me defendam ou me expliquem como me devo comportar para fugir do mundo maldito em que entraram com olhinhos - e não só - bem abertos

De bolaseletras a 25.09.2019 às 09:52

É sem dúvida trágico, Teresa. As manifestações de carinho e admiração são hoje meio caminho andado para a censura, a desconfiança, para acusações idiotas de assédio. Gosto de gostar e de o mostrar, sem querer nada mais que isso, dar o meu carinho manifestando que gosto. E sim, as mulheres sabem estabelecer a linha de fronteira, e boa parte dos homens sabem respeitá-la. Abram os olhinhos, senhoras e senhores!

De Anónimo a 20.10.2019 às 19:17

Confundes tudo. Eu não preciso de cavalheiros, preciso que as pessoas à minha volta sejam bem educadas, todas elas, homens e mulheres. E que respeitem os outros. Só isso.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

pesquisar

Pesquisar no Blog