Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Não matem a nossa paixão

Quinta-feira, 28.01.16

slimas.jpg

É este o futebol que eu gosto, por quem me apaixonei, que me fez feliz em criança, em jovem imberbe e que ainda hoje mexe comigo. Livre, sem grilhetas, jogado em qualquer lado, a qualquer hora, com os amigos, contra aqueles que imaginamos serem os nossos inimigos, os nossos moinhos de vento que temos que derrubar. Prefiro estas guerras a outras - se o combate faz parte da natureza humana, que nos dediquemos a este e não a outros bem mais letais. Golos que não entravam, canelada que fervia, empurrões e cabeçadas à Cais Sodré, foi tudo isso que fez dos putos de um bairro dos Olivais homens mais preparados para enfrentar o mundo. Obviamente que no futebol profissional as regras são mais apertadas, não está em causa isso. Mas no dia em que no calor do jogo um corte fora de tempo, um braço que bate na cara de um adversário na tentativa de ganhar posição ou a bola, são usados para castigar um dos artistas da relva, é o dia em que o futebol deixa de ser um jogo entre homens apaixonados e passa a ser um torneio entre autómatos acorrentados às regras dos burocratas da bola. Slimani deu com o braço na cara de Samaris sim, enquanto lutava pela posição, como o Eliseu arreou num adversário e outros casos que tais que ocorreram naquele Benfica vs Sporting, tudo enquanto os jogadores lutavam sofregamente pela bola, pela vitória. Querem castigar só um lado, excluir o jogador mais decisivo do Sporting por vários jogos e assim decidir o campeonato por baixo da mesa, nos jogos de secretaria e das interpretações discricionárias de leis que hoje ditam uma coisa e amanhã outra? Façam o favor, matem a galinha dos ovos de ouro, exterminem a nossa paixão, aniquilem o futebol.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 10:49


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog