Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O mundo é um lugar estranho - olhar sem ver

Quarta-feira, 28.05.14

 

Conheço demasiada gente que se recusa a ver os sinais, que olha sempre na direção onde não se encontra a verdade, que se debruça apenas sobre as perspectivas confortáveis e isentas da mínima possibilidade de conflito. Também por isso, cada vez menos me surpreendo quando me anunciam aquelas grandes hecatombes, como divórcios, separações, saídas de  casa sem pré-aviso ou, num campo profissional, uma avença que se perdeu, um emprego que se esfumou ou um contrato que foi à viola. O conforto de virar a cara à luta deveria ser, à nascença, considerado contranatura. Por luta entendo o debate de ideias, a busca da melhor forma de esbater diferenças, a assunção de compromissos que permitam que o conjunto funcione melhor do que as partes. Recusar esse saudável combate é fazer do mundo um lugar ainda mais estranho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 18:05


6 comentários

De Teresa a 28.05.2014 às 21:38

No entanto é esse o primeiro instinto do ser humano. Esse enterrar a cabeça na areia... Chama-se auto-preservação. Se não o tivéssemos, à primeira cacetada na estima, cairíamos por terra. Então começamos a assumir que é assim que se sobrevive. Não olhando. Não vendo. Não assumindo. E como se vai sobrevivendo entra-se numa espiral de hábito. De um eterno "não está bem mas poderia estar pior..." O recusar torna este mundo um lugar estranho mas habitado . Por cobardes e briguentos.

De bolaseletras a 28.05.2014 às 22:26

O Sérgio Godinho resumiu na perfeição: "Cá se vai andando com a cabeça entre as orelhas".

De Teresa Faria a 29.05.2014 às 20:42

Concordo que se olha na direcção errada, porque a verdade assusta, e o conflito… revela-a. Por isso fugimos dele.
Parece-me que apontas na direcção certa, mas penso que tens de ir ainda mais fundo. Sugeres que se olhe para dentro do conjunto; eu digo-te que tem de se ir mais longe e olhar para dentro da parte – É lá que encontras a verdade.
Continuamos a querer que o conjunto que funcione “melhor”, sem nos preocuparmos se as partes, por si só, funcionam bem… Ora o conjunto é o somatório das partes… Estás a ver o problema?
Olha lá melhor para a coisa... No que toca a gerir conflitos dentro do conjunto somos nós mestres: a culpa é do outro! Easy...
O nosso medo não é perceber o que vai mal no conjunto e entrar em conflito com o(s) outro(s)! O verdadeiro medo é que isso pode trazer à tona o que vai mal cá dentro e entrar em conflito connosco mesmos! Porque quando descobrimos a nossa verdade… percebemos que já não nos chega sobreviver (ou sub-viver). E lá vêm as hecatombes…
Quanto a isso de tentarmos esbater as diferenças, creio que é muitas vezes o mal dos nossos pecados. É na diferença que está a riqueza! Esbatê-la é esbater as partes, e elas são muito mais bonitas no seu estado natural: nítidas e vibrantes! A questão é sabermos rodear-nos das diferenças que nos enriquecem e apreciam as nossas diferenças, e não das que nos “esbatem”.
Sou fã da estranheza do mundo.
(Mais um comentário maior que o post… sorry, entras em áreas que me fascinam, está o caldo entornado! )

De bolaseletras a 30.05.2014 às 10:20

Nunca esperes que um ser da raça daqueles que se pelam por ver 22 tipos a correr atrás de uma bola e que, pode ainda, por vezes, atingir níveis elevadíssimos de prazer por assistir ao beijo de uma bola no fundo de uma rede, atinja essa profundidade de raciocínio. É para isso que as mulheres também servem, para abrilhantar o mundo e completar as toscas ideias soltas de homens armados em seres sensíveis e conhecedores dos mistérios do ser. Obrigado!;-).

De Teresa Faria a 31.05.2014 às 11:43

Olha que eu também acho interessante ver 22 tipos possantes a correr... atrás duma bola! E nem te conto as figurinhas que já fiz por causa de alguns desses beijos... (diz que há vídeos comprometedores!)
De alarves e de sensíveis todos temos um pouco! Estou cá desconfiada que no fundo somos todos feitos da mesma matéria, o que varia é só mesmo a dosagem de cada ingrediente. "Todos diferentes, todos iguais."
Bom fim de semana!

De bolaseletras a 01.06.2014 às 12:15

Só é pena que essas figurinhas sejam geralmente em honra do clube errado;-).

Bom fim de semana!

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor




Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog