Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Quem guarda os nossos guardas?

Terça-feira, 11.07.17

  

z_guarda.jpg

   

Os 18 (18!!!) agentes de uma esquadra da PSP de Alfragide, todos os agentes dessa esquadra (todos!!!) foram acusados pelo Ministério Público, entre outros crimes, pela prática de crimes de tortura e racismo contra alguns jovens de etnia africana. Independentemente da punição exemplar, disciplinar e criminal, que venha a ser aplicada a estes elementos - caso as acusações venham a provar-se em sede de julgamento, claro está - é preciso, por uma vez, irmos mais longe. Quem, como, com que critérios são recrutados os agentes de autoridade que confiamos defenderão as nossas vidas e bens e a segurança dos nossos filhos? Estes 18 agentes de autoridade (custa tanto escrever isto, considerar que esta gente é agente de alguma coisa, quanto mais de autoridade) são sujeitos a que provas que comprovem a sua honorabilidade, humanidade, educação, etc. e tal, para o exercício de uma das missões mais nobres do Estado? Ou importará apenas a sua destreza física e conhecimentos técnicos? Quem são os responsáveis máximos por validar os critérios e regras que regulam o recrutamento desta gente? Quem permitiu esta desbunda total? Por uma vez, foquemo-nos nas questões por trás das questões imediatas e retiremos consequências sérias de mais uma vergonha nacional. O que é demais é demais.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por bolaseletras às 14:42


3 comentários

De Anónimo a 12.07.2017 às 10:03

Mas está tudo louco!? Acreditam mesmo que os 18 agentes são todos racistas? A sério que levam a sério criminosos que andam à boa vida, que não trabalham, não pagam impostos pois nem sequer trabalham!!!!! Este mundo moderno em que vivemos onde ser politicamente correto é que é, sem ligar a evidências e fatos comprovados, pois não queremos ser considerados mauzinhos nem racistas, queremos é ser modernos!!!!! Acordem rápido pois mais um pouco e será tarde! O que se passa em França, Inglaterra, Alemanha rapidamente se passará cá em Portugal! Tirem força e apoio às nossas polícias que rapidamente deixaremos de ser considerados um dos países mais seguros do Mundo! Gosto de ver na TV, falam dos jovens, dos jovens, entrevistam moradores, mas nunca referem a sua profissão, se são estudantes ou não...são jovens e moradores... Que palhaçada!!!!!

De Markinho a 12.07.2017 às 11:36

Que não haja a menor dúvida que há polícias que nunca o deveriam ter sido. Mas, ATENÇÃO por favor! Os defensores destes meninos a que chamam etnias, "e desprotegidos" (pus entre aspas) DE CERTEZA ABSOLUTA que nunca estiveram em contacto com estes "coitadinhos" nem os têm por perto. Se os tivessem por perto, saberiam o quanto é torturante ter de os suportar. Eles, não respeitam rigorosamente ninguém, eu assisto ao longe (felizmente) ás suas condutas completamente desenquadradas e desadequadas daquilo que é viver em sociedade. A qualquer hora da noite ou da madrugada, buzinam junto a prédios como forma de chamamento de outros. Há desentendimentos de trânsito e sacam logo de pistola. Cospem no chão, em estabelecimentos comerciais. Urinam fora das sanitas em locais públicos, mas propositadamente para na ideia deles, humilharem os "romas" como chamam ás outras pessoas que não são da sua etnia. Esta gente só conhece a palavra DIREITOS, e tem-nos mais que todos os cidadãos, na medida em que são (a maioria) mantidos pelos impostos de quem trabalha. Invadem hospitais, invadem escolas e agridem funcionários e professores, conduzem sem carta de condução, levam crianças e bébés nos carros sem a respectiva cadeira e as autoridades fazem vista grossa (pudera). A uma mulher desta etnia, que todos os dias vai levar o filho á escola de carro e não tem carta. Se vê o polícia, vira logo na rua antes e é mais do mesmo todos os dias (escola EB 2,3 Carteado Mena, em Viana do castelo. Ou seja, É TUDO DELES. A palavra DEVERES para com a sociedade, não existe no vocabulário desta etnia. E é isto que as meninas do Bloco de Esquerda e de outros partidos deviam saber, mas NÃO SABEM, rigorosamente NÃO SABEM ou dá-lhes jeito não saber. Nota-se que não estamos a falar de racismo. Estamos (estou) exclusivamente a falar do direito a viver(mos) sem ser molestados. Eles recusam ser integrados, eles não aceitam as nossas regras, no entanto, sentem-se no direito de nos impor as suas. Quem os defende, só porque é chique ou politicamente correcto, deixem que isto tome proporções gigantescas... depois será tarde demais.

De Como? a 12.07.2017 às 14:28

Ora nem mais. É só direitos, deveres ficam para os outros.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





mais sobre mim

foto do autor


subscrever feeds



Flag counter (desde 15-06-2010)

free counters



links

Best of the best - Imperdíveis

Bola, livres directos & foras de jogo

Favoritos - Segunda vaga

Cool, chique & trendy

Livros, letras & afins

Cinema, fitas & curtas

Radio & Grafonolas

Top disco do Miguelinho

Política, asfixias & liberdades

Justiça & Direito

Media, jornais & pasquins

Fora de portas, estrangeirices & resto do mundo

Mulheres, amor & sexo

Humor, sorrisos & gargalhadas

Tintos, brancos & verdes

Restaurantes, tascas & petiscos

Cartoons, BD e artes várias

Fotografia & olhares

Pais & Filhos


arquivos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

pesquisar

Pesquisar no Blog